Fiel Companheira


Fiel Companheira

Ela vinha sorrindo. Se abrindo. Expandindo. Mas vinha lenta. Benta. Tormenta. Então, num piscar de olhos, ela se revelou. Se desnudou. Me apaixonou. No início, a encontrei um pouco perdida. Mas enaltecida. Efervecida. Saí do incólume túnel escuro de outro ser. Tudo era branco. Franco. Solavanco. O choque foi grande. Mas a recepção foi exuberante. Determinante. Eletrizante. E foi assim, entre uma despedida e uma ida que nalgum momento passado, me encontrei com a VIDA. Companheira fiel. Mas que um dia, por eu será traída. Inevitável caída. Enquanto isto, a ti pertenço, minha eterna prometida. (Tadany – 24 03 11) 

PS: Para citar este texto: 
Cargnin dos Santos, Tadany. Pensamento 782. www.tadany.org ® 


--
Você está recebendo esta mensagem porque se inscreveu no grupo "Dividindo a Vida" dos Grupos do Google.
Para postar neste grupo, envie um e-mail para dividindoavida@googlegroups.com.
Para cancelar a inscrição nesse grupo, envie um e-mail para dividindoavida+unsubscribe@googlegroups.com.
Para obter mais opções, visite esse grupo em http://groups.google.com/group/dividindoavida?hl=pt-BR.

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

0 comentários:

Postar um comentário