Evolução é caminhar do complexo para o simples e do difícil para o fácil

Evolução é caminhar do complexo para o simples e do difícil para o fácil

 

Regis Mesquita

 

"Quem evoluir nesta encarnação enfrentará as dificuldades das próximas encarnações com mais suavidade e eficiência".

 

Trecho do Livro Nascer Várias Vezes

 

 

O espírito reencarna para ter novas oportunidades de aprendizado, evolução. A vida é o campo de provas, e as situações corriqueiras, cotidianas e rotineiras são a maior parte dos desafios. Aproveitar as situações rotineiras para treinar e aperfeiçoar os aprendizados é uma postura inteligente e necessária. O espírito que quer evoluir no planeta Terra tem que aprender a valorizar as múltiplas oportunidades que surgem no cotidiano.

 

A evolução é a forma do espírito caminhar do complexo para o simples, do difícil para o fácil e do imaturo para o maduro. Existe lógica na evolução, já que ela está interligada a todas as outras Leis que regem a vida na Terra e nos planos espirituais. Esta lógica é simples e diz assim: quem aprende faz mais fácil. Dê uma chave na mão de uma criança bem pequena e mande-a destrancar uma porta. Ela terá que realizar vários movimentos que seu corpo ainda não aprendeu. Será difícil, complexo e no final sobrará uma criança frustrada, cansada e insatisfeita com o resultado.

 

A evolução pode ser comparada a conquistar centenas de chaves que tornam as portas (desafios) fáceis de serem abertas (resolvidos). Com as "chaves" aprendidas, o indivíduo se mantém satisfeito, descansado e realizado. A evolução é, portanto, uma das melhores formas de conquistar qualidade de vida.

 

Aprendizado, abertura, usufruto e oferta são as palavras centrais para entender o que é evoluir.

 

O que aprendemos torna-se fácil. Se o computador estraga, o técnico resolve com facilidade.  Alguém despreparado, que tente resolver o problema, terá um grande desgaste, com perda de tempo e baixa eficiência. O que para o técnico é simples, para o leigo é complexo.  Da mesma forma, toda qualidade que desenvolvemos facilita a resolução de problemas. Se a pessoa cultivou a disciplina e a perseverança, ela consegue enfrentar mais facilmente e com menos desgaste os desafios da vida.

 

O resultado do aprendizado é o usufruto. Se você resolve eficientemente o problema do computador, sobra tempo para o que é essencial na vida. São vários usufrutos: mais tempo, menos desgaste, facilidade em transpor alguns obstáculos e possibilidade de aproveitar outras oportunidades. Todavia, o usufruto somente se mantém se as escolhas continuarem as mesmas (coerência). Suponhamos que uma pessoa aprenda a tocar violão. Terá o usufruto deste aprendizado, desde que continue tocando. Se abandonar o instrumento irá perder o usufruto, assim como parte de sua habilidade musical. Da mesma forma, uma pessoa que desenvolveu a disciplina, se em determinado momento da vida começar a dar prioridade para a má vontade, irá deixar de usufruir dos benefícios da disciplina. Observe: ela terá disciplina, mas a má vontade a fará desistir ou desviar de desafios – os resultados positivos desaparecerão.

 

Abertura é muito importante, pois quem evolui gera expansão da consciência e das experiências de vida. É simples explicar: se uma pessoa se dedica a aprender a tocar violão, ela vai progredir em qualidade musical. Seu ouvido aperfeiçoará, suas mãos terão mais controle, seu interesse por música será reforçado. Ele será um pouco melhor e a vida um pouco mais divertida. Aprendendo a tocar bem o violão, a própria dinâmica da vida se encarregará de proporcionar-lhe novos desafios: tocar em público, por exemplo. Ou aperfeiçoar a voz e o canto, ou ensaiar com outros músicos, etc. Toda qualidade positiva gera movimento, que gera novos desafios e novos aprendizados. Desta forma a vida vai ampliando. A evolução exige que a pessoa tenha abertura, para permitir com que este movimento aconteça, gerando novos aprendizados. Uma pessoa, que tratava rispidamente seu irmão, aprendeu a ter paciência e passou a ser respeitosa com o familiar. A vida em família pode ser feliz, novamente.  A felicidade fez com que tivessem mais contato e mais projetos juntos – a vida ampliou.

 

Existe uma abertura muito mais importante: a abertura/expansão da consciência.  Ao ler o livro Nascer Várias Vezes, você aprenderá que a grande fronteira evolutiva é a abertura para o inconsciente/espiritualidade. Esta evolução que acontecerá nos próximos séculos, permitindo que mais sabedoria e informação "aflore" na mente. Isto facilitará a evolução, pois aproveitaremos melhor os aprendizados de outras encarnações.

 

Ofertar é um ótimo recurso para a evolução. Sem ela é praticamente impossível desenvolver os níveis evolutivos mais nobres. Aliás, quanto mais nobre, mais necessária a oferta. A oferta é importantíssima porque ela permite o usufruto do que foi conquistado. Também obriga ao desenvolvimento de qualidades compensatórias que impedem que uma qualidade positiva se transforme em negativa. Vou contar uma história: era uma vez um moço que tocava violão muito bem, porque se dedicou e desenvolveu sua musicalidade. Ao tocar violão em público, ele encantava muitas mulheres. Neste contexto, ele fortaleceu seu orgulho. Como sempre faz, o orgulho o obrigou a gerar pensamentos negativos: ele desenvolveu desprezo pelas mulheres. Dizia que mulheres eram idiotas que só serviam para lhe dar prazer. Sua percepção da realidade começou a mudar quando seu irmão o levou para tocar em hospitais.  Ochoque com a doença mudou sua mente e suas prioridades. Ele reencontrou o equilíbrio em sua vida através da oferta da sua música para alegrar a vida de pessoas sofredoras. Ele continuou sendo uma pessoa carismática e com talentos, e acrescentou a humildade e a sensibilidade ao sofrimento alheio. O equilíbrio acontece na vida humana quando uma qualidade positiva é harmonizada com a agregação de outra qualidade positiva.

 

Estamos encarnados para evoluirmos em todos os momentos da vida, inclusive nos assuntos mais corriqueiros do dia-a-dia. O cotidiano possui diferentes tipos de dificuldades, que necessitam de diferentes qualidades. Apesar de repetitivo, ele é diverso nos desafios. Assim sendo, o grande campo de batalha de quem está encarnado é a rotina do dia-a-dia. São pequenos eventos que se repetem e nos permitem enfrentá-los com várias estratégias, com vários sentimentos, com vários pensamentos. Cada aprendizado gera amadurecimento e mais sabedoria. Cada aprendizado gera mais facilidades e mais qualidade de vida.

 

Se quiser evoluir espiritualmente preste muita atenção nas ações do dia-a-dia.   

Quando você se sentir cansado, desanimado, estressado e com falta de paz, lembre-se que a evolução é um remédio santo. Aos poucos, ela preenche o espírito de recursos para resolver positivamente os problemas, mesmos os piores.

 

 

Observação: a evolução do espírito não é apenas moral. A conquista de habilidades próprias da organização do Universo também é muito importante. A musicalidade é uma destas habilidades.

 

Origem do texto: http://www.nascervariasvezes.com/2012/11/evoluir-vida-facil.html

 

--
Você está recebendo esta mensagem porque se inscreveu no grupo "Dividindo a Vida" dos Grupos do Google.
Para postar neste grupo, envie um e-mail para dividindoavida@googlegroups.com.
Para cancelar a inscrição nesse grupo, envie um e-mail para dividindoavida+unsubscribe@googlegroups.com.
Para obter mais opções, visite esse grupo em http://groups.google.com/group/dividindoavida?hl=pt-BR.

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

0 comentários:

Postar um comentário