Para enfrentar os desafios da vida com paz no coração

Para enfrentar os desafios da vida com paz no coração

 

Autor: Regis Mesquita

Blog Nascer Várias Vezes - http://www.nascervariasvezes.com/

 

 

 

Ninguém está livre dos acontecimentos desafiadores da vida.

Ninguém é desprovido de recursos para enfrentar com dignidade os desafios que conturbam a vida.

Lembre-se do potencial que existe em seu espírito. Ele já enfrentou outras dificuldades como estas, e sobreviveu.

Ele já experimentou situações dificílimas em vidas passadas e as superou.

Hoje você está aqui, enfrentando outras adversidades.

 

Tenha paciência, mas não se paralise.

Aceite seus problemas e invista nas oportunidades de aprendizados.

Aceite que o problema existe e aceite que há boas soluções possíveis.

Sempre existem soluções, mesmo que na hora do sofrimento extremo só apareça a "escuridão".

O sofrimento pode te induzir a acreditar que não há soluções.

Não desacredite da verdade. As boas soluções existem e são várias.

 

Se as soluções não aparecem em sua mente é porque você tem usado estratégias ineficientes.

São estratégias conhecidas, mas insuficientes para mudar o curso da sua história.

Ouse! Quanto mais você precisar aprender, mais terá que experimentar.

Atue com equilíbrio e com ousadia.

É necessário abrir a mente para gerar o novo.

Quanto maior for o sofrimento, mais necessário adotar novas estratégias.

O objetivo é sair da "escuridão da alma" mais forte e melhor preparado.

Somente depois que o sofrimento se for é que você perceberá o quanto cresceu e amadureceu.

 

Abra sua mente para aprender, para que o conhecimento interior possa se revelar.

A vontade de aprender e a necessidade de inovar, somadas ao potencial interno do espírito, geram ótimas condições para grandes descobertas e aprendizados.

Não faça como a maioria, que desistem e disfarçam a desistência ao lutarem muito com as mesmas estratégias limitadas ou erradas.

A pior desistência é aquela que fica escondida na baixa dedicação ou na pouca eficiência.

 

A vida foi planejada para que os vencedores sejam os que enfrentam as dificuldades com intensidade e racionalidade.

Uma idosa passou a vida infeliz porque o filho era irresponsável. Como ela se recusou a aprender o desapego, não gerou a paz interior.

Ela não podia mudar o filho, mas podia mudar a si mesma.

Descobriu, após morrer, que teria que se desapegar de seu filho de qualquer forma.

Seu apego gerou sofrimento para ela, para os outros filhos e não ajudou o filho irresponsável.

Somente quando voltou para o mundo espiritual ela se "lembrou" de que deveria ter desenvolvido habilidades e qualidades úteis para seu espírito.

O espírito da idosa lutou muito, mas da forma errada. Evoluiu menos e sofreu mais.

 

As leis da vida do espírito são bem planejadas.

Sempre há desafios a serem superados.

As dificuldades para superá-los são dicas do esforço a ser feito para a evolução.

A senhora idosa sabia amar seu filho. Mas, não sabia se desapegar.

A vida escolheu para ela este desafio – o desapego.

Cabia a ela aceitar e ousar por este caminho.

Nem sempre somos nós que escolhemos o que é mais urgente para evoluir.

É bom que seja assim. Pois espíritos imaturos fazem escolhas imaturas.

Imagine uma criança escolhendo o que deve aprender em uma escola.

Certamente escolheria somente brincar no parquinho.

Cresceria analfabeta e sofreria com a ignorância.

Você não escolhe todos os desafios de sua vida. Agradeça, por ser esta a lei.

 

Treine sua mente para ter a determinação de superar toda e qualquer dificuldade.

Você se fortalecerá e tornará fácil superar desafios que antes eram muito difíceis.

A evolução do espírito é tornar fácil o que antes era difícil. Atinge-se esta meta através do aprendizado e da disciplina.

Quanto mais evoluído, mais preparado para enfrentar com paz no coração os desafios da vida.

 

O caminho da evolução é o caminho da completude.

Desenvolver habilidades e qualidades em sequência.

A senhora que aprendeu a amar, precisa aprender a desapegar.

Com amor e desapego poderá ajudar mais e sofrer menos.

Outros desafios virão, para que outras qualidades sejam desenvolvidas.

Estes conjuntos de habilidades e qualidades tornam mais fáceis a superação dos desafios futuros.

Esta força interior permite a emersão da paz e da serenidade.

 

É possível ter paz e serenidade em meio às maiores tormentas.

Não é fácil, pois exige muitas qualidades e habilidades desenvolvidas ao longo da vida.

Muita sabedoria, muita ousadia para exercitar sempre o positivo e o nobre.

Deste treino mental surge a paz praticamente inabalável.

Surge a serenidade e a capacidade de escutar os estímulos que vem do próprio espírito.

 

Aproveite as dificuldades da vida para evoluir em áreas nas quais você não havia escolhido conscientemente evoluir.

Aproveite para atingir níveis de evolução que você sozinho jamais atingiria.

Porque evoluir é ter completude, para a paz e a serenidade vibrarem dentro de você.

A paz e a serenidade são as bênçãos que recebem os espíritos que encarnam e jamais se esquecem de que são guerreiros em busca da própria evolução.

 

 

PS: o grande vencedor na vida não é aquele que nunca perde. É muito difícil uma vida sem perdas. O grande vencedor é aquele que pode perder e mesmo assim sua vida se mantém equilibrada. Nesta situação, a pessoa enfrenta os desafios sem amplificar seus próprios sofrimentos e sem gerar atitudes de injustiça e revolta.

 

Fonte: http://www.nascervariasvezes.com/2013/10/enfrentar-desafios.html

 

 

 


--
Você está recebendo esta mensagem porque se inscreveu no grupo "Dividindo a Vida" dos Grupos do Google.
Para cancelar a inscrição neste grupo e parar de receber seus e-mails, envie um e-mail para dividindoavida+unsubscribe@googlegroups.com.
Para postar neste grupo, envie um e-mail para dividindoavida@googlegroups.com.
Visite este grupo em http://groups.google.com/group/dividindoavida.
Para obter mais opções, acesse https://groups.google.com/groups/opt_out.

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

Bom Dia - (31.10.13)


Perdão das Ofensas

 
14. Quantas vezes perdoarei a meu irmão? Perdoar-lhe-eis, não sete vezes, mas setenta vezes sete vezes. Aí tendes um dos ensinos de Jesus que mais vos devem percutir a inteligência e mais alto falar ao coração. Confrontai essas palavras de misericórdia com a oração tão simples, tão resumida e tão grande em suas aspirações, que ensinou a seus discípulos, e o mesmo pensamento se vos deparará sempre. Ele, o justo por excelência, responde a Pedro: perdoarás, mas ilimitadamente; perdoarás cada ofensa tantas vezes quantas ela te for feita; ensinarás a teus irmãos esse esquecimento de si mesmo, que torna uma criatura invulnerável ao ataque, aos maus procedimentos e às injúrias; serás brando e humilde de coração, sem medir a tua mansuetude; farás, enfim, o que desejas que o Pai celestial por ti faça. Não está ele a te perdoar freqüentemente? Conta porventura as vezes que o seu perdão desce a te apagar as faltas? 
Prestai, pois, ouvidos a essa resposta de Jesus e, como Pedro, aplicai-a a vós mesmos. Perdoai, usai de indulgência, sede caridosos, generosos, pródigos até do vosso amor. Dai, que o Senhor vos restituirá; perdoai, que o Senhor vos perdoará; abaixai-vos, que o Senhor vos elevará; humilhai-vos, que o Senhor fará vos assenteis à sua direita. 
 
(O Evangelho Segundo o Espiritismo - Capítulo X)
 

******
 
Então Pedro, aproximando-se dele, lhe perguntou: Senhor, até quantas vezes pecará meu irmão contra mim, e eu hei de perdoar? Até sete? 
Respondeu-lhe Jesus: Não te digo que até sete; mas até setenta vezes sete.
 
                                                                     (JESUS)
  
(Novo Testamento - Mateus 18:21:22)
 

******
 
AVE MARIA

Ave Maria cheia de graça, o Senhor é convosco, bendita sois vós entre as mulheres e bendito é o fruto do vosso ventre Jesus.
Santa Maria, Mãe de Jesus, rogai por nós, pecadores, agora e na hora de nossa morte. Amém.

 

******

 

PAI NOSSO

Pai nosso que estais no Céu, santificado seja o Vosso Nome, venha a nós o Vosso reino, seja feita a Vossa vontade, assim na terra como no Céu. O pão nosso de cada dia nos dai hoje; perdoai-nos as nossas ofensas, assim como nós perdoamos a quem nos tem ofendido, e não nos deixeis cair em tentação, mas livrai-nos do mal. Amém.

 

JESUS

--
Você está recebendo esta mensagem porque se inscreveu no grupo "Dividindo a Vida" dos Grupos do Google.
Para cancelar a inscrição neste grupo e parar de receber seus e-mails, envie um e-mail para dividindoavida+unsubscribe@googlegroups.com.
Para postar neste grupo, envie um e-mail para dividindoavida@googlegroups.com.
Visite este grupo em http://groups.google.com/group/dividindoavida.
Para obter mais opções, acesse https://groups.google.com/groups/opt_out.

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

Release da apresentação "Um trenzinho pra Drummond". 31/10, 20h

Release da apresentação "Um trenzinho pra Drummond".


Quinta, 31/10, 20, Palco Sesc-Lumeeiro. VI Bienal Internacional do Livro de Alagoas.

Poesia de Drummond, música de Villa-Lobos.

Entrada gratuita.

Ricardo C. Cabús
Facebook: Ricardo Cabús
Twitter: @ricardocabus

--
--
Esta é uma mensagem do Papel no Varal
email: papelnovaral@gmail.com contato@lumeeiro.org
Blog: http://cacosinconexos.blogspot.com
Twitter: @papelnovaral e @ricardocabus
Para sair do grupo: envie email com o assunto REMOVER para papelnovaral@gmail.com
Mais opções em: http://groups.google.com/group/papelnovaral?hl=pt-BR
 
---
Você está recebendo esta mensagem porque se inscreveu no grupo "Papel no Varal" dos Grupos do Google.
Para cancelar a inscrição neste grupo e parar de receber seus e-mails, envie um e-mail para papelnovaral+unsubscribe@googlegroups.com.
Para obter mais opções, acesse https://groups.google.com/groups/opt_out.

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

Bom Dia - (30.10.13)


QUANDO
 
Quando compreendermos que vingança, ódio, desespero, inveja ou ciúme são doenças claramente ajustáveis á patologia da mente, requisitando amor e não o revide...

Quando interpretarmos nossos irmãos delinqüentes por enfermos da alma, solicitando segregação para tratamento e reeducação e não censura ou castigo...
Quando observarmos na caridade simples dever...
Quando nos aceitarmos na condição de espíritos em evolução, ainda portadores de múltiplas deficiências e que, por isso mesmo, o erro do próximo poderia ser debitado á conta de nossas próprias fraquezas...
Quando percebermos que os nossos problemas e as nossas dores não são maiores que os de nossos vizinhos...
Quando nos certificarmos de que a fogueira do mal deve ser extinta na fonte permanente do bem...
Quando nos capacitarmos de que a prática incessante do serviço aos outros é o dissolvente infalível de todas as nossas mágoas...
Quando nos submetermos à lei do trabalho, dando de nós sem pensar em nós, no que tange a facilidades imediatas...
Quando abraçarmos a tarefa da paz, buscando apagar o incêndio da irritação ou da cólera com a bênção do socorro fraternal e abstendo-nos de usar o querosene da discórdia...
Quando, enfim, nos enlaçarmos, na experiência comum, na posição de filhos de Deus e irmãos autênticos uns dos outros, esquecendo as nossas faltas recíprocas e cooperando na oficina do auxílio mútuo, sem reclamações e sem queixas, a reconhecer que o mais forte é o apoio do mais fraco e que o mais culto é o amparo do companheiro menos culto, então, o egoísmo terá desaparecido da Terra, para que o Reino do Amor se estabeleça. Definitivo, em nossos corações.
  
(Obra: Paz e Renovação - Chico Xavier/André Luiz)
 
 
******
 
E, então, pedindo, receberás, porque atendendo aos interesses do Senhor, junto do próximo, o Senhor atenderá aos teus próprios interesses junto de ti.

  
(Obra: Alvorada do Reino - Chico Xavier/Emmanuel)
 
******
 
AVE MARIA

Ave Maria cheia de graça, o Senhor é convosco, bendita sois vós entre as mulheres e bendito é o fruto do vosso ventre Jesus.
Santa Maria, Mãe de Jesus, rogai por nós, pecadores, agora e na hora de nossa morte. Amém.
 
******
 
PAI NOSSO
Pai nosso que estais no Céu, santificado seja o Vosso Nome, venha a nós o Vosso reino, seja feita a Vossa vontade, assim na terra como no Céu. O pão nosso de cada dia nos dai hoje; perdoai-nos as nossas ofensas, assim como nós perdoamos a quem nos tem ofendido, e não nos deixeis cair em tentação, mas livrai-nos do mal. Amém.
 
JESUS

--
Você está recebendo esta mensagem porque se inscreveu no grupo "Dividindo a Vida" dos Grupos do Google.
Para cancelar a inscrição neste grupo e parar de receber seus e-mails, envie um e-mail para dividindoavida+unsubscribe@googlegroups.com.
Para postar neste grupo, envie um e-mail para dividindoavida@googlegroups.com.
Visite este grupo em http://groups.google.com/group/dividindoavida.
Para obter mais opções, acesse https://groups.google.com/groups/opt_out.

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

Bom Dia - (29.10.13)


SEGUINDO ADIANTE

A provação que se nos revela de impacto assemelha-se a golpe destruidor.
Quando isso, porventura, te aconteça é natural que sofras e chores, 
entretanto, não te fixes em qualquer condição negativa.
Prossegue nas tarefas que a Sabedoria da Vida te confiou.
Recorda: quando uma bomba explode numa longa vereda talhada na pedra, quase 
sempre surgem janelas abertas nas paredes da rocha, pelas quais é possível 
descortinar amplos caminhos que mais facilmente trilharemos em busca de paz 
e de elevação.

(Chico Xavier/Emmanuel - Mensagem recebida em 06/01/1980 em Uberaba).


******

Não nos esquecamos de que a floresta se levantou de sementes quase 
invisíveis, de que o rio se forma das fontes pequeninas e de que a luz do 
Céu, em nós mesmos, começa de pequeninos raios de amor a se nos irradiarem 
do coração.

(Obra: Caridade - Chico Xavier/Meimei)


******

AVE MARIA
Ave Maria cheia de graça, o Senhor é convosco, bendita sois vós entre as 
mulheres e bendito é o fruto do vosso ventre Jesus.
Santa Maria, Mãe de Jesus, rogai por nós, pecadores, agora e na hora de 
nossa morte. Amém.

******

PAI NOSSO
Pai nosso que estais no Céu, santificado seja o Vosso Nome, venha a nós o 
Vosso reino, seja feita a Vossa vontade, assim na terra como no Céu. O pão 
nosso de cada dia nos dai hoje; perdoai-nos as nossas ofensas, assim como 
nós perdoamos a quem nos tem ofendido, e não nos deixeis cair em tentação, 
mas livrai-nos do mal. Amém.

JESUS

--
Você está recebendo esta mensagem porque se inscreveu no grupo "Dividindo a Vida" dos Grupos do Google.
Para cancelar a inscrição neste grupo e parar de receber seus e-mails, envie um e-mail para dividindoavida+unsubscribe@googlegroups.com.
Para postar neste grupo, envie um e-mail para dividindoavida@googlegroups.com.
Visite este grupo em http://groups.google.com/group/dividindoavida.
Para obter mais opções, acesse https://groups.google.com/groups/opt_out.

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

"A Poesia de Terry Gifford". hoje, às 20h. Palco Sesc/Lumeeiro, no Mezanino do Centro de Convenções.

Nesta segunda (28), "A Poesia de Terry Gifford" toma conta do palco SESC/Lumeeiro durante a VI Bienal Internacional do Livro de Alagoas. Ricardo Cabús e Izabel Brandão realizam a leitura poética dos versos do escritor inglês, num evento bilíngue. A participação musical será por conta de Luiz Pompe, interpretando canções dos Beatles.


A POESIA DE TERRY GIFFORD.
hoje
,
às
 20
h
. P
alco 
S
esc
/L
umeeiro
, no Mezanino do Centro de Convenções.

Entrada gratuita. 


Ricardo C. Cabús
82 3214-1311
Facebook: Ricardo Cabús
Twitter: @ricardocabus

--
--
Esta é uma mensagem do Papel no Varal
email: papelnovaral@gmail.com contato@lumeeiro.org
Blog: http://cacosinconexos.blogspot.com
Twitter: @papelnovaral e @ricardocabus
Para sair do grupo: envie email com o assunto REMOVER para papelnovaral@gmail.com
Mais opções em: http://groups.google.com/group/papelnovaral?hl=pt-BR
 
---
Você está recebendo esta mensagem porque se inscreveu no grupo "Papel no Varal" dos Grupos do Google.
Para cancelar a inscrição neste grupo e parar de receber seus e-mails, envie um e-mail para papelnovaral+unsubscribe@googlegroups.com.
Para obter mais opções, acesse https://groups.google.com/groups/opt_out.

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

OS PLANOS ESPIRITUAIS

OS PLANOS ESPIRITUAIS
 
 
 
Após ter abandonado o corpo a alma, antes de alcançar a plenitude da iluminação e, assim, atingir definitivamente a imortalidade e livrar-se da roda das encarnações, ocupa um plano espiritual evidentemente sem forma, sensações e atitude. Ao deixar o plano material de movimentos e distâncias mergulha completamente no abstrato, onde não há formas e ação.
 
Então, como a alma fica e existe neste plano espiritual? A personalidade-alma, antes de tudo, continua autoconsciente, ou seja, percebe a si mesma, mas embora não tenha forma (pois, forma é resultante do mundo manifesto) "vive" no mundo dos estados. Ou melhor, a alma sente amor, angústia, alegria, etc. O encontro com outras personalidades almas dar-se através deste sentir. De fato, a alma livre do mundo das formas e ações sente os entes-queridos e aqueles que conheceu na última encarnação através deste "sentir".
 
No plano espiritual não existe "inimigos". Aquelas que tivemos como pessoas inimigas na última encarnação deixa de sê-las no plano espiritual, pois, estas condições só existem no mundo da ação. O nosso encontro com estas pessoas normalmente se revestem de um encontro de amor e, então, percebemos o erro de considerá-las inimigas enquanto encarnados. Nos planos espirituais os limites dos acontecimentos são diluídos. Na verdade, o prazer destes encontros são tão intensos que não conseguimos encontrar um paralelo no mundo manifesto e, portanto, são intraduzíveis e são impossíveis de descrevê-los.
 
O fato é que quando voltamos ao plano espiritual percebemos que este é o nosso verdadeiro lugar e que estávamos apenas temporariamente vivendo no mundo manifesto. Porém, sentimos que precisamos alcançar algo. Sentimo-nos incompletos, como se não tivéssemos nascidos de fato. Sentimos que precisamos ir além para nos sentirmos realizados, mas não conseguimos compreender isto. Só através do mundo manifesto nossa consciência conseguirá evoluir e atingir o nível superior de consciência. Neste processo, a vida manifesta é fundamental, pois, só ela permite o movimento e, portanto, o gradual despertar da consciência. Todo conhecimento nos leva a isto. O conhecimento jamais poderá ser alcançado objetivamente, pois, o mundo manifesto é limitado e não pode fornecer a compreensão total do mundo espiritual ilimitado.
 
São os nossos estados que definem os nossos planos de consciência iguais ou diferentes nos planos espirituais em relação às outras personalidades almas. Quando fazemos a transição entre o plano material e o espiritual temos que vencer os nossos medos e, para tanto, somos ajudados pelas personalidades almas mais evoluídas. Podemos dizer que estas personalidades são "parteiros cósmicos".
 
De toda forma, não somos afetados nem afetamos as personalidades almas que estão encarnadas. Aquelas personalidades almas que atingiram a iluminação, ou seja, a imortalidade e, portanto, a consciência cósmica, no entanto, inspiram todo o tempo todos que estão manifestos e aquelas personalidades almas manifestas no plano material que conseguem sintonizar com estas conseguem captar as idéias que estes "mestres cósmicos" estão transmitindo. Para que, enquanto encarnados, consigamos captar a inspiração dos mestres precisamos silenciar nossa mente e elevá-la a planos superiores.
 
A prece, a oração e a meditação são ferramentas que dispomos para que possamos apreender as idéias dos planos superiores de consciência.
 
Mas, seja como for, enquanto estamos encarnados estamos o tempo todo sendo atraídos para os planos espirituais e, principalmente, para os planos superiores onde a luz se faz plena de vida, luz e amor.
 
Ou seja, nossa alma está todo o tempo sendo atraída para a morte, onde ela pode alcançar a plenitude de fato. Nosso objetivo como destino cósmico é "voltar para a casa do pai" (voltar para o seio do criador). E, só através da morte podemos realizar isto. Contudo, é a vida que nos permite caminhar em direção a esta "morada".

Hideraldo Montenegro

leia AMEAÇA AO REI

https://www.clubedeautores.com.br/book/142949--AMEACA_AO_REI

--
Você está recebendo esta mensagem porque se inscreveu no grupo "Dividindo a Vida" dos Grupos do Google.
Para cancelar a inscrição neste grupo e parar de receber seus e-mails, envie um e-mail para dividindoavida+unsubscribe@googlegroups.com.
Para postar neste grupo, envie um e-mail para dividindoavida@googlegroups.com.
Visite este grupo em http://groups.google.com/group/dividindoavida.
Para obter mais opções, acesse https://groups.google.com/groups/opt_out.

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

Bom Dia - (28.10.13)


VENCERÁS
 
Não desanimes.
Persiste mais um tanto. 
Não cultives pessimismo. 
Centraliza-te no bem a fazer. 
Esquece as sugestões do medo destrutivo. 
Segue adiante, mesmo varando a sombra dos próprios erros. 
Avança ainda que seja por entre lágrimas. 
Trabalha constantemente.
Edifica sempre. 
Não consintas que o gelo do desencanto te entorpeça o coração. 
Não te impressiones nas dificuldades. 
Convence-te de que a vitória espiritual é construção para o dia-a-dia. 
Não desistas da paciência. 
Não creias em realizações sem esforço. 
Silêncio para a injúria 
Olvido para o mal. 
Perdão às ofensas. 
Recorda que os agressores são doentes. 
Não permitas que os irmãos desequilibrados te destruam o trabalho ou te apaguem a esperança. 
Não menosprezes o dever que a consciência te impõe. 
Se te enganaste em algum trecho do caminho, reajusta a própria visão e procura o rumo certo. 
Não contes vantagens nem fracassos. 
Não dramatizes provações ou problemas. 
Conserva o hábito da oração para quem se te faz a luz na vida intima. 
Resguarda-te em Deus e persevera no trabalho que Deus te confiou. 
Ama sempre, fazendo pelos outros o melhor que possas realizar. 
Age auxiliando. 
Serve sem apego. 
E assim vencerás. 

(Obra: Astronautas do Além - Chico Xavier/Emmanuel)
 
 
******
 
E, nessa estrada bendita, depois da luta cotidiana, sentirá você no imo da própria alma, o sol da alegria perfeita repetindo, de coração erguido à verdadeira felicidade
- Obrigado Jesus, porque na força de Tua bênção, consegui esquecer-me, procurando servir.

 (Obra: Ideal Espírita - Chico Xavier/André Luiz)
 
 
******

AVE MARIA
Ave Maria cheia de graça, o Senhor é convosco, bendita sois vós entre as mulheres e bendito é o fruto do vosso ventre Jesus.
Santa Maria, Mãe de Jesus, rogai por nós, pecadores, agora e na hora de nossa morte. Amém.
 
******
 
PAI NOSSO
Pai nosso que estais no Céu, santificado seja o Vosso Nome, venha a nós o Vosso reino, seja feita a Vossa vontade, assim na terra como no Céu. O pão nosso de cada dia nos dai hoje; perdoai-nos as nossas ofensas, assim como nós perdoamos a quem nos tem ofendido, e não nos deixeis cair em tentação, mas livrai-nos do mal. Amém.
 

JESUS

--
Você está recebendo esta mensagem porque se inscreveu no grupo "Dividindo a Vida" dos Grupos do Google.
Para cancelar a inscrição neste grupo e parar de receber seus e-mails, envie um e-mail para dividindoavida+unsubscribe@googlegroups.com.
Para postar neste grupo, envie um e-mail para dividindoavida@googlegroups.com.
Visite este grupo em http://groups.google.com/group/dividindoavida.
Para obter mais opções, acesse https://groups.google.com/groups/opt_out.

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

Mantenha sua mente serena e facilite a ação das vibrações espirituais em sua vida

Mantenha sua mente serena e facilite a ação das vibrações espirituais em sua vida

 

O plano espiritual interage com o plano terreno. Se você mantiver sua mente conturbada com mil pensamentos e sentimentos, formará uma barreira que dificultará a ação das boas vibrações emanadas pelos espíritos de luz.


Por isto, não se OCUPE com preocupações. Saiba esperar para ocupar sua mente somente no momento em que for se esforçar para resolver o problema.

Mantenha sua mente serena e facilite a ação das vibrações espirituais em sua vida. Você é o responsável por resolver seus problemas, mas as vibrações elevadas dos espíritos de luz poderão te ajudar.

Regis Mesquita
Ensinamentos baseados no Livro Nascer Várias Vezes 

--
Você está recebendo esta mensagem porque se inscreveu no grupo "Dividindo a Vida" dos Grupos do Google.
Para cancelar a inscrição neste grupo e parar de receber seus e-mails, envie um e-mail para dividindoavida+unsubscribe@googlegroups.com.
Para postar neste grupo, envie um e-mail para dividindoavida@googlegroups.com.
Visite este grupo em http://groups.google.com/group/dividindoavida.
Para obter mais opções, acesse https://groups.google.com/groups/opt_out.

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

Affonso Romano de Sant’anna estará hoje na Berlinda, 27/10, 20h


(Ascom Lumeeiro)

Um Poeta na Berlinda traz uma nova forma de bate-papo a ser realizada neste Domingo (26), às 20h. O escritor Affonso Romano de Sant'anna conversa com Ricardo Cabús acerca de suas preferências poéticas, baseadas nos 30 poemas escolhidos pelo convidado – sendo 10 de sua autoria, 10 de autores brasileiros e 10 de estrangeiros. Os versos selecionados por Affonso também estarão presentes numa instalação no mezanino, de modo que o público poderá conferir antecipadamente as poesias que irão compor o evento.

 

Compondo a Berlinda, o músico Eliezer Setton fará uma participação especial cantando canções compostas a partir de poemas e letras de Affonso Romano. Os espectadores também poderão interagir com o escritor realizando perguntas por escrito. Um Poeta na Berlinda acontece no palco Sesc/Lumeeiro, no mezanino do Centro Cultural e de Exposições Ruth Cardoso, durante a VI Bienal Internacional do Livro de Alagoas.



...............
Ricardo C. Cabús
Facebook: Ricardo Cabús
Twitter: @ricardocabus

--
--
Esta é uma mensagem do Papel no Varal
email: papelnovaral@gmail.com contato@lumeeiro.org
Blog: http://cacosinconexos.blogspot.com
Twitter: @papelnovaral e @ricardocabus
Para sair do grupo: envie email com o assunto REMOVER para papelnovaral@gmail.com
Mais opções em: http://groups.google.com/group/papelnovaral?hl=pt-BR
 
---
Você está recebendo esta mensagem porque se inscreveu no grupo "Papel no Varal" dos Grupos do Google.
Para cancelar a inscrição neste grupo e parar de receber seus e-mails, envie um e-mail para papelnovaral+unsubscribe@googlegroups.com.
Para obter mais opções, acesse https://groups.google.com/groups/opt_out.

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

Começa hoje às 14h a programação do Lumeeiro na Bienal do Livvro

Pessoal,

O Instituto Lumeeiro começa hoje, sábado, 26/10, sua participação na VI Bienal Internacional do Livro de Alagoas, às 14h, com uma Roda de Leitura de Poesias para Crianças, eu estarei com José Marcio Passos e Arilene de Castro fazendo a animação poética.

Domingo, 27, às 19h, lançamento do livro Arte em Alagoas, com um capítulo sobre o Papel no Varal, por Cristina de Macedo.
Todos os dias haverá um varal com temática específica, hoje são 100 poemas de Lêdo Ivo, que poderão ser encontrados logo à frente da escada rolante principal do Centro de Convenções.

O estande do Instituto Lumeeiro estará aberto todos os dias das 10 às 22h. Sejam bem-vindos


Ricardo C. Cabús
Facebook: Ricardo Cabús
Twitter: @ricardocabus

--
--
Esta é uma mensagem do Papel no Varal
email: papelnovaral@gmail.com contato@lumeeiro.org
Blog: http://cacosinconexos.blogspot.com
Twitter: @papelnovaral e @ricardocabus
Para sair do grupo: envie email com o assunto REMOVER para papelnovaral@gmail.com
Mais opções em: http://groups.google.com/group/papelnovaral?hl=pt-BR
 
---
Você está recebendo esta mensagem porque se inscreveu no grupo "Papel no Varal" dos Grupos do Google.
Para cancelar a inscrição neste grupo e parar de receber seus e-mails, envie um e-mail para papelnovaral+unsubscribe@googlegroups.com.
Para obter mais opções, acesse https://groups.google.com/groups/opt_out.

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

Compensando o brinde do nascimento


Compensando o brinde do nascimento

Que melhor intercâmbio pode ter um homem em sua existência 
Do que compensar o brinde do seu nascimento auxiliando os necessitados 
E tentando entender sua missão pessoal e a magia de uma vivência 
Para que a retribuição por tão nobre presente seja um admirável legado. 
(Tadany – 26 12 08) 

PS: Para citar este Poema: 
Cargnin dos Santos, Tadany. Poema 370. www.tadany.org ® 


Photo: Compensando o brinde do nascimento    Que melhor intercâmbio pode ter um homem em sua existência   Do que compensar o brinde do seu nascimento auxiliando os necessitados   E tentando entender sua missão pessoal e a magia de uma vivência   Para que a retribuição por tão nobre presente seja um admirável legado. (Tadany – 26 12 08)     PS: Para citar este Poema:   Cargnin dos Santos, Tadany. Poema 370. www.tadany.org ®


--
Você está recebendo esta mensagem porque se inscreveu no grupo "Dividindo a Vida" dos Grupos do Google.
Para cancelar a inscrição neste grupo e parar de receber seus e-mails, envie um e-mail para dividindoavida+unsubscribe@googlegroups.com.
Para postar neste grupo, envie um e-mail para dividindoavida@googlegroups.com.
Visite este grupo em http://groups.google.com/group/dividindoavida.
Para obter mais opções, acesse https://groups.google.com/groups/opt_out.

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

Bom Dia - (25.10.13)

 http://marcosianoski.blogspot.com.br/

ACEITAÇÃO E MUDANÇA
 
"Nesse ponto procuravam outra vez prendê-lo; mas ele se livrou das suas mãos."
 - João, cap. 10 - v.39
  
É possível que o homem caia seguidamente...
As trevas, que assomam de si, tentarão enredá-lo repetidas vezes.
Periódicas crises de fé testarão a sua capacidade de resistir à incredulidade.
Não se renda, porém, às cadeias do mal !
Segundo a palavra do Evangelista, Jesus não desistia de se livrar das tramas
para prendê-lo.
Escapava às mãos simbólicas do poder e da vaidade...
Subtraía-se aos acenos enganosos da luxúria...
O homem necessita saber o que, realmente, quer da Vida, sem ignorar o que a
Vida dele requisita.
As propostas para que se corrompa e se desvie de sua meta superior haverão
de assediá-lo a cada passo.
Contudo, a sua mais leve concessão ao erro abrirá brechas irreparáveis em sua
cidadela íntima.
Porque tropeçou e retrocedeu um degrau, ninguém carece de rolar escadaria
abaixo... Torne a colocar-se de pé e, com mais cuidado, reinicie a subida.
Saúde mental é também saber aceitar-se com as próprias fragilidades, sem,
todavia, com elas se conformar.
Se ninguém surge completamente renovado de um dia para outro, ninguém
pode deixar de mudar a cada dia, protelando, indefinidamente, o seu 
próposito de mudança.
 
 
(Obra: Saúde Mental À Luz do Evangelho - (Carlos A. Baccelli/Inácio Ferreira)
 
 
******
 
Ainda mesmo com sacrifício, entre acidentes inesperados que lhe firam as esperanças, jamais desistir na construção do bem que lhe cumpre realizar. 
Cada Espírito possui conta própria na Justiça Perfeita. 
 
(Obra: Conduta Espírita - Waldo Vieira/André Luiz)
 
 
******
 
AVE MARIA
Ave Maria cheia de graça, o Senhor é convosco, bendita sois vós entre as mulheres e bendito é o fruto do vosso ventre Jesus.
Santa Maria, Mãe de Jesus, rogai por nós, pecadores, agora e na hora de nossa morte. Amém.
 
******
 
PAI NOSSO
Pai nosso que estais no Céu, santificado seja o Vosso Nome, venha a nós o Vosso reino, seja feita a Vossa vontade, assim na terra como no Céu. O pão nosso de cada dia nos dai hoje; perdoai-nos as nossas ofensas, assim como nós perdoamos a quem nos tem ofendido, e não nos deixeis cair em tentação, mas livrai-nos do mal. Amém.
 
JESUS

--
Você está recebendo esta mensagem porque se inscreveu no grupo "Dividindo a Vida" dos Grupos do Google.
Para cancelar a inscrição neste grupo e parar de receber seus e-mails, envie um e-mail para dividindoavida+unsubscribe@googlegroups.com.
Para postar neste grupo, envie um e-mail para dividindoavida@googlegroups.com.
Visite este grupo em http://groups.google.com/group/dividindoavida.
Para obter mais opções, acesse https://groups.google.com/groups/opt_out.

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

Lumeeiro promove roda de leitura de poesia para crianças

Cartaz do evento:


Ricardo C. Cabús
82 3214-1311
Facebook: Ricardo Cabús
Twitter: @ricardocabus

--
--
Esta é uma mensagem do Papel no Varal
email: papelnovaral@gmail.com contato@lumeeiro.org
Blog: http://cacosinconexos.blogspot.com
Twitter: @papelnovaral e @ricardocabus
Para sair do grupo: envie email com o assunto REMOVER para papelnovaral@gmail.com
Mais opções em: http://groups.google.com/group/papelnovaral?hl=pt-BR
 
---
Você está recebendo esta mensagem porque se inscreveu no grupo "Papel no Varal" dos Grupos do Google.
Para cancelar a inscrição neste grupo e parar de receber seus e-mails, envie um e-mail para papelnovaral+unsubscribe@googlegroups.com.
Para obter mais opções, acesse https://groups.google.com/groups/opt_out.

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

Bom Dia - (24.10.13)


Separação da Alma e do Corpo

154) O corpo ou a alma sente alguma dor no momento da morte? 
 
– Não; o corpo sofre muitas vezes mais durante a vida do que no momento da morte: a alma não toma nenhuma parte nisso. Os sofrimentos que às vezes ocorrem no momento da morte são uma alegria para o Espírito, que vê chegar o fim de seu exílio.
 
  
 Na morte natural, a que acontece pelo esgotamento dos órgãos em conseqüência da idade, o homem deixa a vida sem se dar conta disso: é como um foco de luz que se apaga por falta de suprimento. 
 
155) Como se opera a separação da alma e do corpo? 
– Quando os laços que a retinham se rompem, ela se desprende.
 
155a) A separação se opera instantaneamente e por uma transição brusca? Há uma linha de demarcação nitidamente traçada entre a vida e a morte? 
– Não; a alma se desprende gradualmente e não escapa como um pássaro cativo subitamente libertado. Esses dois estados se tocam e se confundem de maneira que o Espírito se desprende pouco a pouco dos laços que o retinham no corpo físico: eles se desatam, não se quebram.
 
   Durante a vida, o Espírito se encontra preso ao corpo por seu envoltório semimaterial ou perispírito. A morte é apenas a destruição do corpo e não do perispírito, que se separa do corpo quando nele cessa a vida orgânica. A observação demonstra que, no instante da morte, o desprendimento do perispírito não se completa subitamente; opera-se gradualmente e com uma lentidão muito variável, conforme os indivíduos. Para uns é bastante rápido e pode-se dizer que o momento da morte é ao mesmo instante o da libertação, quase imediata. Mas, para outros, aqueles cuja vida foi extremamente material e sensual, o desprendimento é mais demorado e dura algumas vezes dias, semanas e até mesmo meses. Isso sem que haja no corpo a menor vitalidade nem a possibilidade de um retorno à vida, mas uma simples afinidade entre corpo e Espírito, afinidade que sempre se dá em razão da importância que, durante a vida, o Espírito deu à matéria. É racional conceber, de fato, que quanto mais o Espírito se identifica com a matéria, mais sofre ao se separar dela. Por outro lado, a atividade intelectual e moral, a elevação de pensamentos, operam um início do desprendimento mesmo durante a vida do corpo, de tal forma que, quando a morte chega, o desprendimento é quase instantâneo. Esse é o resultado de estudos feitos em todos os indivíduos observados no momento da morte. Essas observações ainda provaram que a afinidade que em alguns indivíduos persiste entre a alma e o corpo é, algumas vezes, muito dolorosa, visto que o Espírito pode sentir o horror da decomposição. Esse caso é excepcional e particular para certos gêneros de vida e certos gêneros de morte; verifica-se entre alguns suicidas. 
 
(O Livro dos Espíritos - Perguntas nº: 154,155 e 155a)
 
 
******
 
Por um efeito contrário, a união do perispírito e da matéria carnal, que se efetuara sob a influência do princípio vital do gérmen, cessa, desde que esse princípio deixa de atuar, em conseqüência da desorganização do corpo. Mantida que era por uma força atuante, tal união se desfaz, logo que essa força deixa de atuar. Então, o perispírito se desprende, molécula a molécula, conforme se unira, e ao Espírito é restituída a liberdade. Assim, não é a partida do Espírito que causa a morte do corpo; esta é que determina a partida do Espírito. 
Dado que, um instante após a morte, completa é a integração do Espírito; que suas faculdades adquirem até maior poder de penetração, ao passo que o princípio de vida se acha extinto no corpo, provado evidentemente fica que são distintos o princípio vital e o princípio espiritual.
 
(A Gênese - Allan Kardec)
 
 
******
 
AVE MARIA

Ave Maria cheia de graça, o Senhor é convosco, bendita sois vós entre as mulheres e bendito é o fruto do vosso ventre Jesus.
Santa Maria, Mãe de Jesus, rogai por nós, pecadores, agora e na hora de nossa morte. Amém.
 
******
 
PAI NOSSO

Pai nosso que estais no Céu, santificado seja o Vosso Nome, venha a nós o Vosso reino, seja feita a Vossa vontade, assim na terra como no Céu. O pão nosso de cada dia nos dai hoje; perdoai-nos as nossas ofensas, assim como nós perdoamos a quem nos tem ofendido, e não nos deixeis cair em tentação, mas livrai-nos do mal. Amém.
 
JESUS

--
Você está recebendo esta mensagem porque se inscreveu no grupo "Dividindo a Vida" dos Grupos do Google.
Para cancelar a inscrição neste grupo e parar de receber seus e-mails, envie um e-mail para dividindoavida+unsubscribe@googlegroups.com.
Para postar neste grupo, envie um e-mail para dividindoavida@googlegroups.com.
Visite este grupo em http://groups.google.com/group/dividindoavida.
Para obter mais opções, acesse https://groups.google.com/groups/opt_out.

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

Bom Dia - (23.10.13)


OBSERVAÇÃO OPORTUNA
 
Amigos, saibamos receber a paz de Jesus.

Sou a vossa irmã Ana Prado, humilde servidora de nosso ideal.
Não há muitos anos, cooperei na mediunidade de efeitos físicos, na cidade de Belém do Pará, tentando servir ao Espiritismo, não obstante minhas deficiências e provações.
Adapto-me, porém, agora, à mediunidade de efeitos espirituais, nela encontrando seguro caminho para a renovação com o Cristo.
Colaborei na materialização de companheiros desencarnados, na transmissão de vozes do Além, na escrita direta e na produção de outros fenômenos, destinados a formar robustas convicções, em torno da sobrevivência do ser, além da morte, no entanto, ao redor da fonte de bênçãos que fluía, incessante, junto de nossos corações deslumbrados, não cheguei a ver o despertar do sentimento para o Cristo, único processo capaz de assegurar à nossa redentora Doutrina o triunfo que ela merece na regeneração de nós mesmos.
No quadro dos valores psíquicos, a mediunidade de efeitos físicos é aquela que oferece maior perigo pela facilidade com que favorece a ilusão a nosso próprio respeito.
Recolhemos os favores do Céu como dádivas merecidas, quando não passam de simples caridade dos Benfeitores da Vida Espiritual, condoídos de nossa enfermidade e cegueira. E, superestimando méritos imaginários, caímos, sem perceber, no domínio de entidades inferiores, que nos exploram a displicência.
A vaidade na excursão difícil, a que nos afeiçoamos com as nossas tarefas, é o rochedo oculto, junto ao qual a embarcação de nossa fé mal conduzida esbarra com os piratas da sombra, que nos assaltam o empreendimento, buscando estender o nevoeiro do descrédito ao ideal que esposamos, valendo-se, para isso, de nosso próprio desmazelo.
Minhas palavras, porém, não encerram qualquer censura aos gabinetes de experimentação científica.
Seria ingratidão de nossa parte olvidar quanto devemos aos estudiosos e cientistas que, desde o século passado, trazem a lume as mais elevadas ilações a benefício do mundo, mobilizando médiuns e companheiros de boa-vontade.
Minha singela observação reporta-se apenas à profunda significação do serviço evangelizador, em nosso intercâmbio, porque o sofrimento, a ignorância, a irresponsabilidade, os problemas de toda espécie e os enigmas de todas as procedências constituem o ambiente comum da Terra, perante o qual a mediunidade de efeitos espirituais deve agir, renovando o sentimento e abordando o coração, para que o raciocínio não pervague ocioso e inútil, à mercê dos aventureiros das trevas que tantas vezes inventam dificuldades para os veneráveis supervisores de nossas realizações.
Favoreçamos, sim, o desenvolvimento da mediunidade de efeitos físicos, onde surja espontânea, nos variados setores de nosso movimento, contudo, amparando-a com absoluto respeito e cercando-a de consciências sinceras para consigo próprias, a fim de que experimentadores e instrumentos medianímicos não sucumbam aos choques da sombra.
Quanto a nós, prossigamos em nosso esforço persistente ao lado do pauperismo e da aflição, da dor e da luta expiatória que exigem da mediunidade de efeitos espirituais os melhores testemunhos de amor fraterno.
Recordemo-nos de Jesus, o intérprete de nosso Pai Celestial, que em seu apostolado divino reduziu, quanto possível, os fenômenos físicos ante a miopia crônica das criaturas, e aumentou, sempre mais, as demonstrações de socorro à alma humana, necessitada de luz.
Lembremos o Grande Mestre do «Vinde a mim, vós os que sofreis!...» e, colocando-nos a serviço do próximo, esperemos que a curiosidade terrestre acumule méritos adequados para atrair a assistência construtiva de Mais Alto, porque somente pela pesquisa com trabalho digno e pela ciência enriquecida de boa consciência é que a mediunidade de efeitos físicos se coroará, na Terra, com o brilho que todos lhe desejamos.
   
(Obra: Instruções Psicofônicas - Chico Xavier/Ana Prado)
 
 
******
 
Encontrarás, em suma nos princípios espíritas, apontamento certo e exata orientação.
Entretanto, como no caso da receita formulada por médico abnegado e importante, em teu favor, a lição do Evangelho, consola e esclarece, encoraja e honra aqueles que a recebem, mas se não for usada não adianta.
 
(Obra: Seara dos Médiuns - Chico Xavier/Emmanuel)
 

******
 
AVE MARIA

Ave Maria cheia de graça, o Senhor é convosco, bendita sois vós entre as mulheres e bendito é o fruto do vosso ventre Jesus.
Santa Maria, Mãe de Jesus, rogai por nós, pecadores, agora e na hora de nossa morte. Amém.
 
******
 
PAI NOSSO
Pai nosso que estais no Céu, santificado seja o Vosso Nome, venha a nós o Vosso reino, seja feita a Vossa vontade, assim na terra como no Céu. O pão nosso de cada dia nos dai hoje; perdoai-nos as nossas ofensas, assim como nós perdoamos a quem nos tem ofendido, e não nos deixeis cair em tentação, mas livrai-nos do mal. Amém.
 
JESUS

--
Você está recebendo esta mensagem porque se inscreveu no grupo "Dividindo a Vida" dos Grupos do Google.
Para cancelar a inscrição neste grupo e parar de receber seus e-mails, envie um e-mail para dividindoavida+unsubscribe@googlegroups.com.
Para postar neste grupo, envie um e-mail para dividindoavida@googlegroups.com.
Visite este grupo em http://groups.google.com/group/dividindoavida.
Para obter mais opções, acesse https://groups.google.com/groups/opt_out.

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS