minha poesia

Minha poesia no @MundoMundano

Encanto

Comentem!

--
André Braga


  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

POEMAS ERÓTICOS

O AMOR SENSUAL

E, se a poesia está em tudo e é tudo, então, o poeta pode (e deve?) escrever sobre qualquer coisa, ou melhor, sobre tudo. Evidentemente, o sexo não escapa aos olhos (...) do poeta, pois, afinal, não há magia maior do que a sensualidade.

É esta penetração ao universo da sensualidade que o poeta nos conduz. E, assim, somos introduzidos a este universo tão permeado ainda de tabus e preconceitos. Talvez, a proposta do poeta seja exatamente esta: a de retirar estas travas tão profundas que ainda limitam a magia do desejo. Mas, nada é tão simples, portanto, a poesia também trafega nas dificuldades que ainda prendem o poeta (e todos os seres humanos) às relações.

O desejo, o toque, a visão, o prazer, o sonho, tudo serviu de inspiração à poética produzida com tanta ênfase e vitalidade. E, sua diversidade estilística retrata as diversas fases de sua produção poética.

Recife, 25 de setembro de 2009.


para adquirir o livro acesse:

http://www.clubedeautores.com.br/book/132376--VULCAO 

--
Você está recebendo esta mensagem porque se inscreveu no grupo "Dividindo a Vida" dos Grupos do Google.
Para ver esta discussão na web, acesse https://groups.google.com/d/msg/dividindoavida/-/rHsf33y7Te0J.
Para postar neste grupo, envie um e-mail para dividindoavida@googlegroups.com.
Para cancelar a inscrição nesse grupo, envie um e-mail para dividindoavida+unsubscribe@googlegroups.com.
Para obter mais opções, visite esse grupo em http://groups.google.com/group/dividindoavida?hl=pt-BR.

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

Bom Dia - (31.07.12)

http://marcosianoski.blogspot.com.br


RECONHECIMENTO

"Verdadeiramente, este homem era justo" - Lucas, cap. 23 - v.47

Somente após Jesus ter expirado no lenho é que o centurião reconheceu que ele
era um homem justo !
Assim, não esperemos pelo aplauso do mundo. Busquemos, antes, a aprovação
da consciência.
Semeemos sem pressa de colher, porque a semente cultivada não se antecipa à
época que lhe é assinalada para produzir.
Ninguém nos usurpará o próprio valor.
Esperar pela gratidão de alguém é permanecer na expectativa do que nem JESUS teve.
O espírito, aonde vai, ostenta o mérito intransferível de seus esforços.
Não nos aflijamos pelo reconhecimento alheio. Existem pessoas que, emocionalmente,
se monstram descompensadas, porque, superestimando o que fazem, criam exagerada
expectativa no que tange ao retorno por parte das pessoas a quem beneficiam.
A rigor, não estamos dando nada a ninguém; simplesmente, estamos devolvendo o que,
de uma maneira ou outra, lhe tomamos...
Não nos coloquemos nunca na condição de benfeitores - isto ainda é tola pretensão de
quem se arrasta no solo do Planeta !
Deus é o Dispensador de todas as bênçãos, que apenas vamos repassando, exercitando a
nossa capacidade de amar.
Quantos não se deprimem porque não sabem tomar a iniciativa de amar, sem cogitar de
serem amados ?
Como a fonte que, ao dessedentar, não sente sede, quem ama não carece de ser amado,
porque o amor que gera em si mesmo lhe basta a qualquer carência de afeto.

(Obra: Saúde Mental À Luz do Evangelho - Carlos A. Baccelli / Inácio Ferreira)


******

A morte a todos nos reunirá para a compreensão da verdadeira vida... E, sabendo que a justiça definir-nos-á segundo as nossas obras, abracemos a Codificação Kardequiana, prosseguindo para a frente, com Jesus e por Jesus.

(Obra: Fonte Viva - Chico Xavier / Emmanuel)


******

AVE MARIA

Ave Maria cheia de graça, o Senhor é convosco, bendita sois vós entre as mulheres e bendito é o fruto do vosso ventre Jesus.
Santa Maria, Mãe de Jesus, rogai por nós, pecadores, agora e na hora de nossa morte. Amém.


******

PAI NOSSO
Pai nosso que estais no Céu, santificado seja o Vosso Nome, venha a nós o Vosso reino, seja feita a Vossa vontade, assim na terra como no Céu. O pão nosso de cada dia nos dai hoje; perdoai-nos as nossas ofensas, assim como nós perdoamos a quem nos tem ofendido, e não nos deixeis cair em tentação, mas livrai-nos do mal. Amém.

JESUS

--
Você está recebendo esta mensagem porque se inscreveu no grupo "Dividindo a Vida" dos Grupos do Google.
Para postar neste grupo, envie um e-mail para dividindoavida@googlegroups.com.
Para cancelar a inscrição nesse grupo, envie um e-mail para dividindoavida+unsubscribe@googlegroups.com.
Para obter mais opções, visite esse grupo em http://groups.google.com/group/dividindoavida?hl=pt-BR.

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

Bom Dia - (30.07.12)

http://marcosianoski.blogspot.com.br


PENSAMENTOS SOBRE DEUS

"Tudo o que aprendi levou-me, passo a passo, a uma inabalável convicção sobre a existência de Deus. Eu só acredito naquilo que sei. E isso elimina a crença. Portanto, não baseio a Sua existência na crença … eu sei (grifo original) que Ele existe…. "

"Não acredito em Deus, eu O conheço"

"Faço meus pacientes entenderem que tudo o que lhes acontece contra a vontade deles é fruto de uma vontade superior. (…) Deus nada mais é do que essa força superior em nossa vida"

"Eu não acredito, eu sei."

"A diferença entre a maioria dos homens e eu, reside no fato de que em mim as 'paredes divisórias' são transparentes. É uma particularidade minha. Nos outros, elas são muitas vezes tão espessas, que lhes impedem a visão; eles pensam, por isso, que não há nada do outro lado. [....] Quem nada vê não tem segurança, não pode tirar conclusão alguma, ou não confia em suas conclusões. Acho que meus pensamentos giram em torno de Deus como os planetas em torno do Sol, e são da mesma forma irresistivelmente atraídos por ele. Eu me sentiria como o maior pecador querer opor uma resistência a esta força. (…) compreendi que Deus – pelo menos para mim – era uma das experiências mais imediatas."

(Carl Gustav Jung)


******

Por isso vos digo: Não andeis cuidadosos quanto à vossa vida, pelo que haveis de comer ou pelo que haveis de beber; nem quanto ao vosso corpo, pelo que haveis de vestir. Não é a vida mais do que o mantimento, e o corpo mais do que o vestuário?
De certo vosso Pai celestial bem sabe que necessitais de todas estas coisas;
Mas, buscai primeiro o reino de Deus, e a sua justiça, e todas estas coisas vos serão acrescentadas.


JESUS

(Bíblia Sagrada - Mateus 6:25-32-33)


******

AVE MARIA
Ave Maria cheia de graça, o Senhor é convosco, bendita sois vós entre as mulheres e bendito é o fruto do vosso ventre Jesus.
Santa Maria, Mãe de Jesus, rogai por nós, pecadores, agora e na hora de nossa morte. Amém.

******

PAI NOSSO
Pai nosso que estais no Céu, santificado seja o Vosso Nome, venha a nós o Vosso reino, seja feita a Vossa vontade, assim na terra como no Céu. O pão nosso de cada dia nos dai hoje; perdoai-nos as nossas ofensas, assim como nós perdoamos a quem nos tem ofendido, e não nos deixeis cair em tentação, mas livrai-nos do mal. Amém.


JESUS

--
Você está recebendo esta mensagem porque se inscreveu no grupo "Dividindo a Vida" dos Grupos do Google.
Para postar neste grupo, envie um e-mail para dividindoavida@googlegroups.com.
Para cancelar a inscrição nesse grupo, envie um e-mail para dividindoavida+unsubscribe@googlegroups.com.
Para obter mais opções, visite esse grupo em http://groups.google.com/group/dividindoavida?hl=pt-BR.

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

100 minutos dedicados a dois dos melhores artistas alagoanos de todos os tempos

Pessoal,


Hoje, 30/7/2012, daremos continuidade ao Projeto "Em Maceió chove poesia" com o show Djavaneando Lêdo. A partir das 20h, a poesia de Lêdo Ivo - de várias fases de sua vasta produção literária - será permeada com a música de Djavan, escolhido pelo próprio Lêdo para dialogar com sua poesia.  Serão 100 minutos dedicados a dois dos melhores artistas alagoanos de todos os tempos. 

O poema "As rosas vermelhas", das primeiras publicações de Lêdo Ivo, estará junto aos clássicos "A queimada" e "A passagem". 


Sejam bem-vindos.

Equipe Instituto Lumeeiro

Serviço

Djavaneando Lêdo, com Ricardo Cabús e Igbonan Rocha
QUANDO: Segunda-feira, 30 de julho, às 20h.
ONDE: Maikai Choparia
CLASSIFICAÇÃO INDICATIVA: livre
INGRESSOS ANTECIPADOS: R$ 7 (meia) ou R$ 14 (inteira), vendidos nas Farmácias Ao Pharmacêutico
INGRESSOS NA HORA DO SHOW: R$ 10 (meia) ou R$ 20 (inteira), vendidos no Maikai Choparia
INFORMAÇÕES: 82 8135-5990 / contato@lumeeiro.org // twitter @ricardocabus @lumeeiro  // Facebook
REALIZAÇÃO: Instituto Lumeeiro
APOIO: Ao Pharmacêutico, Secretaria de Estado da Cultura (Secult), Gama Engenharia de Recursos Hídricos, Braskem, Armazém Guimarães, Instituto do Meio Ambiente (IMA) e Instituto Zumbi dos Palmares (IZP).--

--
Esta é uma mensagem do Papel no Varal
email: papelnovaral@gmail.com contato@lumeeiro.org
Blog: http://cacosinconexos.blogspot.com
Twitter: @papelnovaral e @ricardocabus
Para sair do grupo: envie email com o assunto REMOVER para papelnovaral@gmail.com
Mais opções em: http://groups.google.com/group/papelnovaral?hl=pt-BR

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

Solilóquio


Solilóquio

Às vezes, no quotidiano, converso sozinho 
Num solilóquio sereno, leve e que é só meu 
Falo da vida, dos sonhos, de liberdade, de amor e de carinho 
E, na maioria das vezes, acho que não falo só, creio que falo com Deus. (Tadany – 20 11 10) 

PS: Para citar este Poema: 
Cargnin dos Santos, Tadany. Poema 607. www.tadany.org ® 


--
Você está recebendo esta mensagem porque se inscreveu no grupo "Dividindo a Vida" dos Grupos do Google.
Para postar neste grupo, envie um e-mail para dividindoavida@googlegroups.com.
Para cancelar a inscrição nesse grupo, envie um e-mail para dividindoavida+unsubscribe@googlegroups.com.
Para obter mais opções, visite esse grupo em http://groups.google.com/group/dividindoavida?hl=pt-BR.

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

Com Chico Xavier - (29.07.12)


Numa saudosa noite, altas horas da madrugada, estávamos reunidos com o Chico.
Entre nós havia uma médium chilena em visita aos trabalhos espírita-cristãos que

o nosso querido irmão realiza. E aquela prezada visitante não entendia a Lei da
Reencarnação.
Ouvimos o Chico dar-lhe explicações claras, conforme os postulados de Allan Kardec,
a respeito do assunto.
Informou-nos, por fim, que o Cristo jamais nos deixou sem amparo e nos enviou
sempre um de seus apóstolos através da reencarnação.
Disse que ora vinha Pedro, ora João, ora Paulo... Passam eles ás vezes anônimos,
entre nós, mas ajudam - e muito - a humanidade a progredir...

(Encontros com Chico Xavier - De Cezar Carneiro de Souza)

--
Você está recebendo esta mensagem porque se inscreveu no grupo "Dividindo a Vida" dos Grupos do Google.
Para postar neste grupo, envie um e-mail para dividindoavida@googlegroups.com.
Para cancelar a inscrição nesse grupo, envie um e-mail para dividindoavida+unsubscribe@googlegroups.com.
Para obter mais opções, visite esse grupo em http://groups.google.com/group/dividindoavida?hl=pt-BR.

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

Fwd: Orgulho: porta aberta aos Espíritos imperfeitos


Assunto: [vidaspassadasbr] Orgulho: porta aberta aos Espíritos imperfeitos
Para: vidaspassadasbr@yahoogrupos.com.br


 

Orgulho: porta aberta aos Espíritos imperfeitos

José Queid Tufaile Huaixan

A história da humanidade é marcada por lutas sangrentas na busca do homem pela liberdade de pensar e agir. O mundo ainda se debate para aperfeiçoar seus sistemas políticos tendo em vista alcançar a sonhada democracia. O Espiritismo, doutrina enviada ao mundo por Jesus Cristo como cumprimento de sua promessa consoladora, contribuiu sobremaneira para termos acesso a uma nova visão da vida na Terra e nas dimensões que se estendem além da morte. Se absorvida pela humanidade, a Codificação poderia trazer o tão querido reino de paz e justiça para os homens.

Mostra-nos a doutrina que a criatura humana pode e deve ser livre. Para isso, conscientiza-a de suas responsabilidades perante seus atos. Demonstra que só pode haver um estado de direito, onde há liberdade com responsabilidade. Se não foi aceita pela humanidade, pelo menos em nós deveriam florescer os ideais nobres da razão. Allan Kardec foi um livre-pensador por excelência. Conosco já não acontece o mesmo. Cresceu em nossas fileiras um mal chamado preconceito, onde não se permite a crítica.

O trabalho que apresentaremos aqui, não se trata de posicionamento pessoal ou de teoria radical. Nossa exposição é uma visão crítica, um ponto de vista acerca de uma enfermidade moral que vem sufocando aos poucos o trabalho do Espírito de Verdade. O agente deste mal é o orgulho.

O orgulho

O orgulho e o egoísmo andam de mãos dadas. São sentimentos onde o amor-próprio procura preservar a individualidade em prejuízo da vida coletiva. Todos nós trazemos suas marcas na conduta, em face de estarmos ligados ao instinto de preservação. O Espírito quando está em sua fase animal vive a plenitude dos instintos. Na impossibilidade de raciocinar, procura instintivamente preserva-se das intempéries do meio. Entre os interesses de um indivíduo e de outro, valem os interesses da individualidade. Isso é o egoísmo e o orgulho.

A medida que o Espírito evolui, passando por milhares de encarnações em variados mundos, adquire pouco a pouco a inteligência, que vai gradualmente se sobrepondo ao instinto. Com o raiar da civilização, sente necessidade da vida social, passando também a preocupar-se com o próximo. Isso é a iluminação. Este processo é lento e se desenvolve com o passar dos séculos.

Mais tarde, tomando consciência da Lei Divina que nos orienta, melhoramos o comportamento passando a ter maior domínio sobre o orgulho. Este sentimento, comum a todos nós, pode ser excitado pelo meio em que vivemos, pelas paixões e pelos maus Espíritos. Por isso, Jesus Cristo, o divino professor, recomendou o "orai e vigiai para que não entreis em tentação".

Na vida religiosa, o orgulho se desenvolve de modo especial. Devido à idade espiritual heterogênea, os homens geraram uma multiplicidade de religiões, cada qual interpretando a teoria divina a seu modo. Acreditam que por estar nesta ou naquela seita já estão salvos. No movimento espírita vem acontecendo coisa bastante parecida. Os Espíritos Superiores demonstraram que a salvação se dá por obras morais. Em nenhum momento disseram que só os espíritas se salvam, mas sim os que praticam o bem. O espírita tornou-se invigilante em sua conduta, deixando-se dominar por vícios grosseiros. O sentimento de valorização pessoal cresceu e desobrigou-nos de seguir a bandeira espírita, que diz ser verdadeiro cristão aquele que se esforça constantemente para dominar as más inclinações.

A influência do orgulho na vida do homem

"O egoísmo e o orgulho matam as sociedades particulares, como matam os povos e as sociedades em geral. Lêde a história e vereis que os povos sucumbem sob o amplexo desses dois mortais inimigos".

Estas são palavras do Codificador do Espiritismo e exprimem sua preocupação com a erva daninha chamada orgulho. Se examinarmos a história dos grandes impérios que existiram na Terra, tais como: o Egípcio, o Assírio, o Babilônico, o Medo-Persa, o Grego e o Romano, é simples concluir que a causa de suas destruições esteve sempre intimamente ligada ao orgulho.

O sentimento de importância despertado por ele põe por água abaixo as relações sociais dos povos e dos grupos. Entre nós, o orgulho tomou uma forma especial, pois se vestiu com o manto da humildade, das aparências. Durante anos fomos condicionados a nos manter calados perante o erro. Esta atitude derivou da má interpretação de mensagens espirituais e do radicalismo assumido por alguns líderes espíritas. Há entre nós vestígio de hipocrisia, um mal já presente no tempo de Jesus Cristo.

O orgulho e a hipocrisia

O orgulho tem a tendência de criar em torno da criatura verdadeira prisão. Quando se faz manifesto num grupo, exalta-lhe o amor próprio a ponto de distorcer-lhe a razão e a capacidade de julgar o bem e o mal. Leva-o a fechar-se em si mesmo, valorizando-o em seu sentimento de importância. Afasta-o das pessoas comuns, pois para ele tudo que é simples é inferior.

Aparecem o elogio desmedido, a troca de honras, pompas, reconhecimentos públicos e a adoração de personalidades. É o afastamento do homem da sua relação com Deus. Abrem-se as portas para o domínio dos maus Espíritos e a terrível fascinação.

"De todas as disposições morais, a que maior entrada oferece aos Espíritos imperfeitos é o orgulho. Este é para os médiuns um escolho tanto mais perigoso quanto menos o reconhecem".

Allan Kardec demonstra neste pequeno texto, o grande perigo a que estamos sujeitos nas relações com os Espíritos, em face do orgulho.

O risco da fascinação é uma constante. Está presente com maior probabilidade em duas situações distintas: na primeira, junto aos grupos novatos. Os que se iniciam na prática do Espiritismo devem armar-se de cuidados por causa da euforia. A sede do fazer, aliada à inexperiência pode levá-los a situações de perigo. É conveniente que os neófitos busquem trocar experiências com outras sociedades mais amadurecidas. É preciso precaver-se contra uma idéia comum: a de que se tem uma missão a cumprir. É uma tentação pela qual quase todos passam.

Na segunda situação, temos o mais grave. A fascinação pode instalar-se em grupos que já passaram da meia idade. O excesso de confiança nos Espíritos, o desleixo com a vigília, o envolvimento pela falsa humildade são os caminhos da obsessão. Na fascinação o orgulho se faz extremamente manifesto.

Por estarem embasados na experiência, essas sociedades descuidam-se e acabam vítimas da nefasta influência dos fascinadores. Ainda é de Kardec a afirmativa de que infelizmente o orgulho é um dois defeitos que somos menos inclinados a reconhecer e que é difícil dizer aos outros que seus problemas são provenientes do orgulho. Certamente não acreditariam.

"Podeis dizer a um homem que ele é bêbado, debochado, preguiçoso, incapaz e imbecil; ele rirá ou concordará; dizei-lhe que é orgulhoso e ficará zangado".

O orgulho e o movimento espírita

O orgulho destruiu a organização de muitas sociedades do passado. Sabemos que sua ação imperiosa foi a grande responsável também pela desagregação da Igreja. Por séculos manteve-se ela fechada em idéias que julgava certas, afastando-se progressivamente do povo, ocupando-se de paramentos e atos de exterioridade. Homens corajosos, como João Huss (1369-1415), Martinho Lutero (1483-1546), João Calvino (1509-1564) e seguidores, ergueram suas vozes e disseram: Basta! Promoveram reformas destinadas a tirar a prática do cristianismo da ilusão do orgulho, aproximando-a dos necessitados.

Façamos algumas perguntas a título de reflexão: depois do testemunho da história e do alerta dado pelos Espíritos acerca do orgulho, nós espíritas teríamos caído no mal da invigilância? Teria aparecido entre nós o personalismo, o mal da idolatria? Não estaríamos exagerando, crendo na salvação pelas obras exteriores? O Espiritismo estaria se distanciando do povo? Será que a forma mansa com que nos expressamos não esconde uma ponta da hipocrisia dos antigos fariseus? Que males teria trazido o orgulho para o movimento? Teriam os maus Espíritos comprometido parte da comunidade? Quanto? Vale a pena fazermos uma reflexão sobre essas questões e trabalharmos para nossa melhoria pessoal e, por conseqüência, do próprio movimento.

O mal e o remédio

A humanidade vem nos últimos anos passando por transformações assustadoras. A influência da matéria sobre a vida cresce incessantemente. Os valores morais estão sendo corrompidos com extrema rapidez. Nunca o mundo precisou tanto do Espírito Consolador como neste tempo em que vivemos. O Espiritismo pode fazer muito ao homem na época atual. Talvez, esteja em nossas mãos a tarefa de constituir grupos capazes de enfrentar a transição que se aproxima. Estaríamos preparados para isso? Sim, temos uma estrutura material capaz de cumprir com esse papel; porém, nossa estrutura moral e espiritual está abalada. Se vivêssemos um tempo de provações coletivas, dificilmente suportaríamos. Como estamos, não serviríamos de elemento aglutinador.

Temos, pois, que fortalecer a nós mesmos, nossas sociedades e o nosso movimento. Para influenciarmos o mundo, temos que estar unidos. Unidos em pensamentos, em práticas, em fins, fundamentalmente. Fora disso não há união. Unificação por dentro. Esta sim é difícil de se promover, pois depende de discussão, aceitação, argumentação, renúncia, humildade e trabalho. Ainda que sejamos poucos, se pensarmos juntos, teremos forças. De que servem milhares de núcleos que não se entendem entre si? Que poderão fazer no grande trabalho coletivo que nos espera? As deficiências das casas, o desânimo, o desinteresse que se multiplica pelas coisas de Deus são claros testemunhos de que algo vai mal. Reflexão, discussão, participação, conclusão, renovação, eis os remédios.

Comecemos por aplicá-los. O primeiro trabalho é a nível pessoal. Perguntemos: como temos vivido moralmente? A vida com esposa, esposo, filhos, patrão e empregados? Temos cultivado o amor para com o próximo? Como é o nível real de nossos conhecimentos? Qual a verdadeira experiência que temos com os Espíritos? Somos um trabalhador espírita ou só um freqüentador? Existe omissão frente as nossas responsabilidades pessoais?

A seguir, a vida espírita do grupo. Como tem sido nosso trabalho? Há controle dos tratamentos espirituais para saber se são produtivos? Nosso trabalho mediúnico é organizado? As sessões de passes necessitam de melhorias? Há escolinha de evangelização infantil, escola para iniciantes no conhecimento espírita? Temos participado financeiramente da sociedade, para ajudá-la em suas obras? A sociedade não espírita recebe alguma influência do trabalho? Há propaganda a respeito do Espiritismo? E a feira do livro, não está esquecida? Temos reunido nossa diretoria para discutir todos esses temas?

Por fim, o movimento. Que temos feito por ele? Participamos dos Encontros, Eventos, Congressos?

Contribuímos com idéias novas, com experiências pessoais, ou nos limitamos a ouvir? Temos trabalhado pela causa? A causa tem afetado nossa vida pessoal? Frente aos desmandos, temos nos mantido calados? Não estaríamos sendo coniventes com o erro? Temos procurado estudar os problemas que envolvem a prática espírita?

O Espiritismo é uma doutrina dinâmica. Deve estar em constante mudança e atividade. A inércia é sua condenação. É preciso pensar, opinar, participar. Ainda que nosso pensamento seja errado, isso não importa. Mais cedo ou mais tarde, encontraremos quem nos esclareça pela razão. Basta sermos flexíveis para aceitar mudanças no posicionamento.

O silêncio pode parecer humildade mas nem sempre é sinal de sabedoria. Hoje, quem não participa fica para trás. A reflexão, a auto-crítica pessoal e coletiva, é o grande remédio para diminuir a ação enfermiça do orgulho sobre nós. Tiremos do nosso coração a idéia de que no "céu" há um mundo onde convivem os de aparência de mansidão. Este é o paraíso forjado pela Igreja. No além, nos mundos de luz, convivem os que têm a sinceridade da mansidão e os que lutam pela transformação das coisas.

__._,_.___
Atividade nos últimos dias:
.

--
Você está recebendo esta mensagem porque se inscreveu no grupo "Dividindo a Vida" dos Grupos do Google.
Para postar neste grupo, envie um e-mail para dividindoavida@googlegroups.com.
Para cancelar a inscrição nesse grupo, envie um e-mail para dividindoavida+unsubscribe@googlegroups.com.
Para obter mais opções, visite esse grupo em http://groups.google.com/group/dividindoavida?hl=pt-BR.

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

O Evangelho - (28.07.12)

http://marcosianoski.blogspot.com/

Advento do Espírito de Verdade

7. Sou o grande médico das almas e venho trazer-vos o remédio que vos há de curar. Os fracos, os sofredores e os enfermos são os meus filhos prediletos. Venho salvá-los. Vinde, pois, a mim, vós que sofreis e vos achais oprimidos, e sereis aliviados e consolados. Não busqueis alhures a força e a consolação, pois que o mundo é impotente para dá-las. Deus dirige um supremo apelo aos vossos corações, por meio do Espiritismo. Escutai-o. Extirpados sejam de vossas almas doloridas a impiedade, a mentira, o erro, a incredulidade. São monstros que sugam o vosso mais puro sangue e que vos abrem chagas quase sempre mortais. Que, no futuro, humildes e submissos ao Criador, pratiqueis a sua lei divina. Amai e orai; sede dóceis aos Espíritos do Senhor; invocai-o do fundo de vossos corações. Ele, então, vos enviará o seu Filho bem-amado, para vos instruir e dizer estas boas palavras: Eis-me aqui; venho até vós, porque me chamastes. - O Espírito de Verdade. (Bordéus, 1861.)


(O Evangelho Segundo o Espiritismo - Capítulo VI)


******

Em razão disso, Jesus nos recomenda amar os inimigos e nos adverte de que a única energia suscetível de remover o mal e extingui-lo é e será sempre a força suprema do bem.

(Obra: Brilhe Vossa Luz - Chico Xavier,Carlos Baccelli/Bezerra de Menezes)


******

AVE MARIA
Ave Maria cheia de graça, o Senhor é convosco, bendita sois vós entre as mulheres e bendito é o fruto do vosso ventre Jesus.
Santa Maria, Mãe de Jesus, rogai por nós, pecadores, agora e na hora de nossa morte. Amém.

******

PAI NOSSO
Pai nosso que estais no Céu, santificado seja o Vosso Nome, venha a nós o Vosso reino, seja feita a Vossa vontade, assim na terra como no Céu. O pão nosso de cada dia nos dai hoje; perdoai-nos as nossas ofensas, assim como nós perdoamos a quem nos tem ofendido, e não nos deixeis cair em tentação, mas livrai-nos do mal. Amém.

JESUS

--
Você está recebendo esta mensagem porque se inscreveu no grupo "Dividindo a Vida" dos Grupos do Google.
Para postar neste grupo, envie um e-mail para dividindoavida@googlegroups.com.
Para cancelar a inscrição nesse grupo, envie um e-mail para dividindoavida+unsubscribe@googlegroups.com.
Para obter mais opções, visite esse grupo em http://groups.google.com/group/dividindoavida?hl=pt-BR.

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

Bom Dia - (27.07.12)

http://marcosianoski.blogspot.com.br


DAR E DEIXAR

Quando Cirilo Fragoso bateu às portas da Esfera Superior e foi atendido por um anjo que velava, solícito, com surpresa verificou que seu nome não constava entre os esperados do dia.

– Fiz muita caridade – alegou, irritadiço –, doei quanto pude. Protegi os pobres e os doentes, amparei as viúvas e os órfãos. Quanto fiz lhes pertence. Oh! Deus, onde a esperança dos que se entregaram às promessas do Cristo?
E passou a choramingar em desespero, enquanto o funcionário celestial, compadecidamente, lhe observava os gestos.
Fragoso traduzia o próprio pesar com a boca, no entanto, a consciência, como que instalada agora em seus ouvidos, instava com ele a recordar.
Inegavelmente, amontoara vultosos bens. Atingira retumbante êxito nos negócios a que se afeiçoara e desprendera-se do corpo terrestre no cadastro dos proprietários de grande expressão. Não conseguira visitar pessoalmente os necessitados, porque o tempo lhe minguava cada dia, na laboriosa tarefa de preservação da própria fortuna, jamais obtivera folgas para ouvir um indigente, nunca pudera dispensar um minuto às mulheres infelizes que lhe recorriam à casa, entretanto, prevendo a morte que se avizinhava, inflexível, organizara generoso testamento. E assim, agindo à pressa, não se esquecera das instituições piedosas das quais possuía vago conhecimento, inclusive as que ele pretendia criar. Por isso, em quatro dias, dotara-as todas com expressivos recursos, encomendando-se-lhes às preces.
Não se desfizera, pois, de tudo, para exercer o auxilio ao próximo? Não teria sido, porém, mais aconselhável praticar a beneficência, antes da atribulada viagem para o túmulo?
Notando que o coração e a consciência duelavam dentro dele, rogou à entidade angélica tornasse em consideração a legitimidade das suas demonstrações de virtude, reafirmando que a caridade por ele efetuada deveria ser passaporte justo ao acesso ao paraíso.
O benfeitor espiritual declarou respeitar-lhe o argumento, informando, porém, que só mediante provas tangíveis advogar-lhe-ia a causa, junto aos poderes celestes. Trouxesse Fragoso a documentação positiva daquilo que verbalmente apontava e defender-lhe-ia a entrada no Paço da Eterna Luz.

Cirilo deu-se pressa em voltar à Terra e, aflito, extraiu as notas mais importantes, com referência aos legados que fizera às associações pias, presentes e futuras, nas derradeiras horas do corpo, e retornou à presença do amigo espiritual, diante de quem leu em voz firme e confiante:
– Para os velhinhos de diversos refúgios, deixei quatrocentos mil cruzeiros.
Para os doentes de várias agremiações, deixei oitocentos mil cruzeiros.
Para a instalação de um hospital de câncer, deixei seiscentos mil cruzeiros.
Para a fundação do Instituto São Damião, em favor dos leprosos, deixei trezentos mil cruzeiros.
Para a assistência à infância desvalida, deixei quinhentos mil cruzeiros.
Para meus empregados, deixei quatro casas e seis lotes de terras, no valor de um milhão e duzentos mil cruzeiros.
Em mãos do meu testamenteiro, deixei, desse modo, a importância total de três milhões e oitocentos mil cruzeiros, para a realização de boas obras.
Terminada a leitura, reparou que o anjo não se mostrava satisfeito.
Em razão disso, perguntou, ansioso:
– Não terei cumprido, assim, os preceitos de Jesus?
O interpelado, porém, aclarou, triste:
– Fragoso, é preciso pensar. Segundo o Evangelho, bem-aventurado é aquele que dá com alegria. Mas, realmente, você não deu. Suas anotações não deixam margem a qualquer dúvida. Você simplesmente deixou. Deixou, porque não podia trazer.
E porque Cirilo entrasse em aflitiva expectação, o anjo rematou:
– Infelizmente, seu lugar, por enquanto, ainda não é aqui.
De conformidade com os ensinamentos do Mestre Divino, onde situamos o tesouro de nossa vida aí guardaremos a própria alma. Seu testamento não exprime libertação. Quem dá, serve e passa. Quem deixa, larga provisoriamente. Você ainda não se exonerou das responsabilidades para com o dinheiro. Volte ao mundo e ampare aqueles a quem você confiou os bens que lhe foram emprestados pela Providência Divina e, ajudando-os a usá-los na caridade verdadeira, você conhecerá, com experiência própria, o desprendimento da posse. A morte obrigou-o a deixar. Agora, meu amigo, cabe-lhe exercitar a ciência de dar com alma e coração.
Foi assim que Cirilo Fragoso, embora acabrunhado, regressou à esfera dos homens, em espírito, a fim de aprender a beneficência com alicerces na renúncia.

(Obra: Contos e Apólogos - Chico Xavier/Irmão X)

******

Não permitas que a tua existência se perca pela tentação dos maus pensamentos.
Livra-te dos males que procedem do próprio coração.
Porque te pertence, agora, a gloriosa oportunidade de elevação para o reino do poder, da justiça, da Paz, da glória e do Amor para sempre.

(Da Mensagem Oração Fraternal - Chico Xavier/Emmanuel)


******

AVE MARIA

Ave Maria cheia de graça, o Senhor é convosco, bendita sois vós entre as mulheres e bendito é o fruto do vosso ventre Jesus.
Santa Maria, Mãe de Jesus, rogai por nós, pecadores, agora e na hora de nossa morte. Amém.


******

PAI NOSSO
Pai nosso que estais no Céu, santificado seja o Vosso Nome, venha a nós o Vosso reino, seja feita a Vossa vontade, assim na terra como no Céu. O pão nosso de cada dia nos dai hoje; perdoai-nos as nossas ofensas, assim como nós perdoamos a quem nos tem ofendido, e não nos deixeis cair em tentação, mas livrai-nos do mal. Amém.

JESUS

--
Você está recebendo esta mensagem porque se inscreveu no grupo "Dividindo a Vida" dos Grupos do Google.
Para postar neste grupo, envie um e-mail para dividindoavida@googlegroups.com.
Para cancelar a inscrição nesse grupo, envie um e-mail para dividindoavida+unsubscribe@googlegroups.com.
Para obter mais opções, visite esse grupo em http://groups.google.com/group/dividindoavida?hl=pt-BR.

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

A caranguejeira e Lilás estarão no Djavaneando Lêdo

Pessoal,


A equipe do Instituto Lumeeiro está trabalhando para o Djavaneando Lêdo seja uma noite bem agradável, na próxima segunda-feira, 30/7, 20h, no Maikai (Maceió-AL). 

A noite estará repleta de poesia e música de qualidade.  Igbonan Rocha, acompanhado de Altair Roque e Jucélio Souza, cantará uma cuidadosa seleção de composições de Djavan, com destaque para faltando um pedaço, a ilha e lilás. 

A obra de Lêdo Ivo será visitada em vários momentos. Estarão presentes, dentre outros, A passagem, Planta de Maceió, A queimada, Rosas vermelhas e A caranguejeira, que pode ser lida em:

Os ingressos já estão nas lojas Ao Pharmacêutico, nos seguintes endereços:

> Av. João Davino,778 - Mangabeiras
 Tel./Fax: (82) 33251969 
> Rua Joaquim Nabuco, 35 - Farol 
 Tel. / Fax: (82) 3303-4200
> R. Eng. Mário de Gusmão, 260 - Loja 04 Galery - Ponta Verde 
 Tel. / Fax: (82) 3304-4200
> R. Jangadeiros Alagoanos, 875 - Pajuçara 
 Tel. / Fax: (82) 3304-4200


Serviço
Djavaneando Lêdo, com Ricardo Cabús e Igbonan Rocha

QUANDO: Segunda-feira, 30 de julho, às 20h.
ONDE: Maikai Choparia
CLASSIFICAÇÃO INDICATIVA: livre
INGRESSOS ANTECIPADOS: R$ 7 (meia) ou R$ 14 (inteira), vendidos nas Farmácias Ao Pharmacêutico
INGRESSOS NA HORA DO SHOW: R$ 10 (meia) ou R$ 20 (inteira), vendidos no Maikai Choparia
INFORMAÇÕES: 82 8135-5990 / contato@lumeeiro.org
REALIZAÇÃO: Instituto Lumeeiro
APOIO: Ao Pharmacêutico, Secretaria de Estado da Cultura (Secult), Gama Engenharia de Recursos Hídricos, Braskem, Armazém Guimarães, Instituto do Meio Ambiente (IMA) e Instituto Zumbi dos Palmares (IZP).
TWITTER: @ricardocabus , @papelnovaral , @lumeeiro
FACEBOOK: Ricardo Carvalho Cabús , Papel no Varal, Instituto Lumeeiro

--
Esta é uma mensagem do Papel no Varal
email: papelnovaral@gmail.com contato@lumeeiro.org
Blog: http://cacosinconexos.blogspot.com
Twitter: @papelnovaral e @ricardocabus
Para sair do grupo: envie email com o assunto REMOVER para papelnovaral@gmail.com
Mais opções em: http://groups.google.com/group/papelnovaral?hl=pt-BR

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

Bom Dia - (25.07.12)

http://marcosianoski.blogspot.com.br/


DAS NASCENTES DO CORAÇÃO

"Finalmente, sede todos de igual ânimo, compadecidos,
fraternalmente amigos, misericordiosos, humildes." – PEDRO. (I Pedro, 3:8.)

De todos os tesouros que a Divina Providência te confiou, um deles é a piedade que podes libertar como um rio de bênçãos das nascentes do coração.
Pensa nas lágrimas que já te passaram pela existência e nunca derrames fel na trilha dos semelhantes. Para isso é necessário raciocines e te enterneças, entre a luz da compreensão e o apoio da caridade.
Compadecemos-nos facilmente dos irmãos tombados em necessidades materiais, cujos padecimentos nos sacodem as fibras mais íntimas, mas é preciso igualmente nos condoamos daqueles outros que se sentam diante da mesa farta arrasados de angústias, à face das provações que lhes desabam na vida.
Bastas vezes, perdemos lições e oportunidades preciosas para a aquisição de valores da Espiritualidade Maior, tão-somente por fixar a observação na face de situações e pessoas.
O entendimento fraternal, no entanto, é clarão da alma penetrando vida e sentimento em suas mais ignotas profundezas.
A vista disso, seja a quem for, abençoa e auxilia sempre.
Diante de quaisquer desequilíbrio ou entraves que te venham a surpreender na estrada terrestre, molha a tua palavra no bálsamo da compaixão, a fim de que te desincumbas dignamente do bem que te cabe cumprir.
Procedamos assim, onde estivermos, na certeza de que, em nos referindo à maioria de nós outros – os espíritos endividados da Terra -, todas as vantagens que estejamos desfrutando, à frente do próximo, não chegam até nós em função de merecimento que absolutamente não possuímos ainda, mas simplesmente em razão da misericórdia de Deus.


(Obra: Ceifa de Luz - Chico Xavier/Emmanuel)



******

Sempre que possas ensina o caminho do bem aos semelhantes, contudo, tanto quanto possas, deixa que o bem se expresse em tua vida. Para que vivamos na paz criadora e santificante do Mestre é indispensável amar o próximo, não apenas com a língua, mas, acima de tudo, de almas imersas no amor, despendendo, cada dia, suor e renúncia, trabalho e coração.

(Obra: Segue-me - Chico Xavier/Emmanuel)


******

AVE MARIA
Ave Maria cheia de graça, o Senhor é convosco, bendita sois vós entre as mulheres e bendito é o fruto do vosso ventre Jesus.
Santa Maria, Mãe de Jesus, rogai por nós, pecadores, agora e na hora de nossa morte. Amém.


******

PAI NOSSO
Pai nosso que estais no Céu, santificado seja o Vosso Nome, venha a nós o Vosso reino, seja feita a Vossa vontade, assim na terra como no Céu. O pão nosso de cada dia nos dai hoje; perdoai-nos as nossas ofensas, assim como nós perdoamos a quem nos tem ofendido, e não nos deixeis cair em tentação, mas livrai-nos do mal. Amém.

JESUS

--
Você está recebendo esta mensagem porque se inscreveu no grupo "Dividindo a Vida" dos Grupos do Google.
Para postar neste grupo, envie um e-mail para dividindoavida@googlegroups.com.
Para cancelar a inscrição nesse grupo, envie um e-mail para dividindoavida+unsubscribe@googlegroups.com.
Para obter mais opções, visite esse grupo em http://groups.google.com/group/dividindoavida?hl=pt-BR.

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

Fwd: convite eletrônico_Menu de Poesia_CCSP



---------- Mensagem encaminhada ----------
De: Maria Alice de Vasconcelos <malicevascon@gmail.com>
Data: 24 de julho de 2012 13:09
Assunto: convite eletrônico_Menu de Poesia_CCSP
Para:


Prezados
 
O recital terá início às 20 h.
 

Prefeitura de São Paulo
Secretaria de Cultura
Centro Cultural São Paulo


convidam


para o evento Menu de Poesia, no dia 27 de julho, um sarau poético dedicado à obra do poeta Fernando Pessoa.

ESTAÇÃO VERGUEIRO DO METRÔ
Rua Vergueiro, 1000 - Liberdade - Tel: 3397-4002

________________________________________________________________

"Esta mensagem, incluindo seus anexos, é confidencial e seu conteúdo é restrito ao destinatário da mensagem. Caso você a tenha recebido por engano, queira, por favor, retorná-la ao destinatário e apagá-la de seus arquivos. É expressamente proibido o uso não autorizado, replicação ou disseminação da mesma. As opiniões contidas nesta mensagem e seus anexos não necessariamente refletem a opinião do órgão emissor. Grato pela colaboração".





--
André Braga


  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

Morte


Morte

Enquanto a morte tiver pena de matar-me 
Da vida e suas belezas não me cansarei 
Peregrinarei com amor, leveza e charme 
Até que a morte mude de idéia e num sobressalto fale – "cheguei". (Tadany – 24 12 10) 

PS: Para citar este Poema: 
Cargnin dos Santos, Tadany. Poema 638. www.tadany.org® 



--
Você está recebendo esta mensagem porque se inscreveu no grupo "Dividindo a Vida" dos Grupos do Google.
Para postar neste grupo, envie um e-mail para dividindoavida@googlegroups.com.
Para cancelar a inscrição nesse grupo, envie um e-mail para dividindoavida+unsubscribe@googlegroups.com.
Para obter mais opções, visite esse grupo em http://groups.google.com/group/dividindoavida?hl=pt-BR.

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

Re: Bom Dia - (24.07.12)



Em 24 de julho de 2012 08:17, Marcos Marcos <marcosm92@gmail.com> escreveu:
  http://marcosianoski.blogspot.com.br/


LAMENTÁVEL

"Mas alguns objetaram: Não podia ele, que abriu os olhos ao cego,
fazer este não morresse?" - João, cap. 11 - v. 37

Os judeus extremistas, acompanhando Jesus a distância, sempre estavam a
exigir dele maiores provas de seu Ministério Divino.
Antes da ressurreição de Lázaro, o Mestre, que já havia curado cegos e
paralíticos, não havia feito o bastante para convencê-los.
E, ressuscitando o irmão de Marta e Maria, inquiriram por que ele, em vez
de providenciar a sua ressurreição, o deixara morrer!
Através da postura dos judeus, em relação ao Cristo, é muito triste constatar
como somos...
As nossas solicitações descabidas não tem fim.
Como, por exemplo, os judeus poderiam saber se o Senhor não teria sustentado
a saúde de Lázaro até aquele exato momento?
Que homem, estando encarnado, poderia dizer que não permanece no corpo por
anônima intervenção do Cristo, que, contra todos os prognósticos médicos, 
mantém o seu organismo em relativo estado de equilíbrio?
Para muitos, Ele deveria ter evitado a própria crucificação, contudo, se não pode
faze-lo, deveria, pelo menos, ter evitado a morte... Ora, se fez algo mais maravilhoso
ainda, que foi justamente ressurgir dos mortos, demonstrando que a Vida não
termina no túmulo!
De fato, é lamentável observar que a Humanidade que integramos, desde os tempos
do Cristo, praticamente continua a mesma.
Tudo o que o Senhor tem feito, faz e ainda fará parace ser insuficiente para que 
lhe demos crédito e o aceitemos na Condição de Caminho, Verdade e Vida.
Somos pródigos em argumentos para não crer e, assim, não ter que mudar.

(Obra: Saúde Mental À Luz do Evangelho - Carlos A.Baccelli/Inácio Ferreira)


******

"Jesus, hoje como ontem, e amanhã como hoje, é o nosso lema. Vencedor dos tempos,
Ele aguarda que a Sua mensagem seja realmente vivida conforme no-la ensinou pelo
exemplo. Não há outra alternativa, senão avançar no rumo da vitória sobre as
tendências inferiores."

(Obra: Transição Planetária - Divaldo P.Franco/Manoel P. de Miranda)


******

AVE MARIA
Ave Maria cheia de graça, o Senhor é convosco, bendita sois vós entre as 
mulheres e bendito é o fruto do vosso ventre Jesus.
Santa Maria, Mãe de Jesus, rogai por nós, pecadores, agora e na hora de 
nossa morte. Amém.

* * * * * *

PAI NOSSO
Pai nosso que estais no Céu, santificado seja o Vosso Nome, venha a nós o 
Vosso reino, seja feita a Vossa vontade, assim na terra como no Céu. O pão 
nosso de cada dia nos dai hoje; perdoai-nos as nossas ofensas, assim como 
nós perdoamos a quem nos tem ofendido, e não nos deixeis cair em tentação, 
mas livrai-nos do mal. Amém.

JESUS

--
Você está recebendo esta mensagem porque se inscreveu no grupo "Dividindo a Vida" dos Grupos do Google.
Para postar neste grupo, envie um e-mail para dividindoavida@googlegroups.com.
Para cancelar a inscrição nesse grupo, envie um e-mail para dividindoavida+unsubscribe@googlegroups.com.
Para obter mais opções, visite esse grupo em http://groups.google.com/group/dividindoavida?hl=pt-BR.


Bom dia, não esquecer de gastar com responsabilidade pois amanhã é 25.
--
genival com muita FÉ
71 91394384

--
Você está recebendo esta mensagem porque se inscreveu no grupo "Dividindo a Vida" dos Grupos do Google.
Para postar neste grupo, envie um e-mail para dividindoavida@googlegroups.com.
Para cancelar a inscrição nesse grupo, envie um e-mail para dividindoavida+unsubscribe@googlegroups.com.
Para obter mais opções, visite esse grupo em http://groups.google.com/group/dividindoavida?hl=pt-BR.

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

Bom Dia - (24.07.12)

  http://marcosianoski.blogspot.com.br/


LAMENTÁVEL

"Mas alguns objetaram: Não podia ele, que abriu os olhos ao cego,
fazer este não morresse?" - João, cap. 11 - v. 37

Os judeus extremistas, acompanhando Jesus a distância, sempre estavam a
exigir dele maiores provas de seu Ministério Divino.
Antes da ressurreição de Lázaro, o Mestre, que já havia curado cegos e
paralíticos, não havia feito o bastante para convencê-los.
E, ressuscitando o irmão de Marta e Maria, inquiriram por que ele, em vez
de providenciar a sua ressurreição, o deixara morrer!
Através da postura dos judeus, em relação ao Cristo, é muito triste constatar
como somos...
As nossas solicitações descabidas não tem fim.
Como, por exemplo, os judeus poderiam saber se o Senhor não teria sustentado
a saúde de Lázaro até aquele exato momento?
Que homem, estando encarnado, poderia dizer que não permanece no corpo por
anônima intervenção do Cristo, que, contra todos os prognósticos médicos, 
mantém o seu organismo em relativo estado de equilíbrio?
Para muitos, Ele deveria ter evitado a própria crucificação, contudo, se não pode
faze-lo, deveria, pelo menos, ter evitado a morte... Ora, se fez algo mais maravilhoso
ainda, que foi justamente ressurgir dos mortos, demonstrando que a Vida não
termina no túmulo!
De fato, é lamentável observar que a Humanidade que integramos, desde os tempos
do Cristo, praticamente continua a mesma.
Tudo o que o Senhor tem feito, faz e ainda fará parace ser insuficiente para que 
lhe demos crédito e o aceitemos na Condição de Caminho, Verdade e Vida.
Somos pródigos em argumentos para não crer e, assim, não ter que mudar.

(Obra: Saúde Mental À Luz do Evangelho - Carlos A.Baccelli/Inácio Ferreira)


******

"Jesus, hoje como ontem, e amanhã como hoje, é o nosso lema. Vencedor dos tempos,
Ele aguarda que a Sua mensagem seja realmente vivida conforme no-la ensinou pelo
exemplo. Não há outra alternativa, senão avançar no rumo da vitória sobre as
tendências inferiores."

(Obra: Transição Planetária - Divaldo P.Franco/Manoel P. de Miranda)


******

AVE MARIA
Ave Maria cheia de graça, o Senhor é convosco, bendita sois vós entre as 
mulheres e bendito é o fruto do vosso ventre Jesus.
Santa Maria, Mãe de Jesus, rogai por nós, pecadores, agora e na hora de 
nossa morte. Amém.

* * * * * *

PAI NOSSO
Pai nosso que estais no Céu, santificado seja o Vosso Nome, venha a nós o 
Vosso reino, seja feita a Vossa vontade, assim na terra como no Céu. O pão 
nosso de cada dia nos dai hoje; perdoai-nos as nossas ofensas, assim como 
nós perdoamos a quem nos tem ofendido, e não nos deixeis cair em tentação, 
mas livrai-nos do mal. Amém.

JESUS

--
Você está recebendo esta mensagem porque se inscreveu no grupo "Dividindo a Vida" dos Grupos do Google.
Para postar neste grupo, envie um e-mail para dividindoavida@googlegroups.com.
Para cancelar a inscrição nesse grupo, envie um e-mail para dividindoavida+unsubscribe@googlegroups.com.
Para obter mais opções, visite esse grupo em http://groups.google.com/group/dividindoavida?hl=pt-BR.

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

Djavaneando Lêdo - release para a imprensa

Pessoal, 

Envio abaixo o release preparado pela Assessoria de Comunicação do Instituto Lumeeiro. Estamos preparando um show bem legal. Sejam bem-vindos.

Ricardo Cabús

........................

Djavaneando Lêdo volta no projeto Em Maceió chove poesia

(Ascom – Instituto Lumeeiro)

            O projeto Em Maceió chove poesia continua no embalo do inverno. A próxima atração é o espetáculo Djavaneando Lêdo, em que a poesia de Lêdo Ivo e a música de Djavan se entrelaçam e dialogam como boas conterrâneas. O evento acontece no dia 30 de julho, às 20 horas, no Maikai Choparia.

            Diferente do sarau poético Papel no Varal, em que o palco é aberto para que o público fale poesias, em Djavaneando Lêdo a obra poética de Lêdo Ivo será interpretada pelo também poeta e idealizador do projeto, Ricardo Cabús. Já Djavan será cantado por Igbonan Rocha, acompanhado pelos músicos Jucélio Souza, no sax e na flauta, e Altair Roque, ao violão.  "Enquanto montava o roteiro do show, liguei para Lêdo Ivo perguntando que música melhor dialogaria com sua poesia. Ele não titubeou: Djavan. O poeta estava certo. Tenho prazer em djavanear Lêdo", conta Ricardo.

            Mais dois shows, Bukowski Blues e Piazzolando Quintana, ocorrerão nos dias 13 e 27 de agosto, respectivamente, também no Maikai Choparia, completando a programação do projeto Em Maceió chove poesia. A proposta também será de alternar poesias de Charles Bukowski e Mário Quintana, na voz de Ricardo Cabús, com clássicos do blues e o tango de Astor Piazzolla executados por convidados diferentes em cada ocasião.

             O projeto Em Maceió chove poesia tem o apoio de Ao Pharmacêutico, da Secretaria de Estado da Cultura (Secult), da Gama Engenharia de Recursos Hídricos, da Braskem, do Armazém Guimarães, do Instituto do Meio Ambiente (IMA) e do Instituto Zumbi dos Palmares (IZP). A entrada para cada show custa R$7 (meia) e R$14 (inteira), para compra antecipada; R$10 (meia) e R$20 (inteira), para compra na hora do show. Também estão à venda pacotes de entradas para os três shows, sendo R$15 (meia) e R$30 (inteira). Os ingressos antecipados serão vendidos a partir do dia 25 de julho (quarta-feira) em toda a rede de farmácias Ao Pharmacêutico. Mais informações pelo telefone 82-8135 5990 e pelo e-mail contato@lumeeiro.org.

 

Sobre Ricardo Cabús:  poeta, tradutor, compositor e professor universitário, lançou dois livros de poesia, Cacos Inconexos e Estações Partidas, e A Galinha Saudosa, título de literatura infantil. É professor da UFAL, presidente do Instituto Lumeeiro, idealizador e apresentador do projeto Papel no Varal, além de criador e diretor do Minuto de Poesia na Rádio Educativa FM.

Sobre Igbonan Rocha:  cantor e produtor cultural, nascido na Bahia, adotou Alagoas como lar há mais de 20 anos. Cantor desde os anos 70, já participou com sua voz potente de vários projetos culturais e colaborou com diversos músicos. Destaca-se hoje liderando com Wilma Araújo e Marcus Vinícius o projeto Nosso Samba, desde 2010.

Sobre os músicos: natural de Pão de Açúcar, Jucélio Souza é músico desde os 7 anos de idade. Exímio flautista e saxofonista, participou das gravações de CDs de diversos artistas locais e de outros estados. Altair Roque é violonista e compositor e já acompanhou a maioria dos intérpretes de Maceió renomados nacionalmente. Com experiência em diversos estilos musicais, Altair se apresentou em vários países da Europa no ano de 2010.

 

Serviço

Djavaneando Lêdo, com Ricardo Cabús e Igbonan Rocha

QUANDO: Segunda-feira, 30 de julho, às 20h.

ONDE: Maikai Choparia

CLASSIFICAÇÃO INDICATIVA: livre

INGRESSOS ANTECIPADOS: R$ 7 (meia) ou R$ 14 (inteira), vendidos nas Farmácias Ao Pharmacêutico

INGRESSOS NA HORA DO SHOW: R$ 10 (meia) ou R$ 20 (inteira), vendidos no Maikai Choparia

INFORMAÇÕES: 82 8135-5990 / contato@lumeeiro.org

REALIZAÇÃO: Instituto Lumeeiro

APOIOS: Ao Pharmacêutico, Secretaria de Estado da Cultura (Secult), Gama Engenharia de Recursos Hídricos, Braskem, Armazém Guimarães, Instituto do Meio Ambiente (IMA) e Instituto Zumbi dos Palmares (IZP).

--
Esta é uma mensagem do Papel no Varal
email: papelnovaral@gmail.com contato@lumeeiro.org
Blog: http://cacosinconexos.blogspot.com
Twitter: @papelnovaral e @ricardocabus
Para sair do grupo: envie email com o assunto REMOVER para papelnovaral@gmail.com
Mais opções em: http://groups.google.com/group/papelnovaral?hl=pt-BR

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

Bom Dia - (23.07.12)

http://marcosianoski.blogspot.com.br/

LEI DO RETORNO

"E os que fizeram o bem sairão para a ressurreição da vida; e os que
fizeram o mal,
para a ressurreição da condenação ." – Jesus. (João, 5:29).

Em raras passagens do Evangelho, a lei reencarnacionista permanece tão clara
quanto aqui, em que o ensino do Mestre se reporta à ressurreição da
condenação.
Como entenderiam estas palavras os teólogos interessados na existência de um
inferno ardente e imperecível?
As criaturas dedicadas ao bem encontrarão a fonte da vida em se banhando nas
águas da morte corporal. Suas realizações no porvir seguem na ascensão
justa, em correspondência direta com o esforço perseverante que
desenvolveram no rumo da espiritualidade santificadora, todavia, os que se
comprazem no mal cancelam as próprias possibilidades de ressurreição na luz.
Cumpre-lhes a repetição do curso expiatório.
É a volta à lição ou ao remédio.
Não lhes surge diferente alternativa.
A lei de retorno, pois, está contida amplamente nessa síntese de Jesus.
Ressurreição é ressurgimento. E o sentido de renovação não se compadece com
a teoria das penas eternas.
Nas sentenças sumárias e definitivas não há recurso salvador. Através da
referencia do Mestre, contudo, observamos que a Providência Divina é muito
mais rica e magnânima que parece.
Haverá ressurreição para todos, apenas com a diferença de que os bons
tê-la-ão em vida nova e os maus em nova condenação, decorrente da criação
reprovável deles mesmos.

(Obra: Pão Nosso - Chico Xavier/Emmanuel)


* * * * * *


Porém, vale não olvidar a recomendação de JESUS: Tende Bom Ânimo!

(Mensagem em 20.11.2004 - Raul Teixeira/Guilherme March


* * * * * *


AVE MARIA
Ave Maria cheia de graça, o Senhor é convosco, bendita sois vós entre as
mulheres e bendito é o fruto do vosso ventre Jesus.
Santa Maria, Mãe de Jesus, rogai por nós, pecadores, agora e na hora de
nossa morte. Amém.


* * * * * *

PAI NOSSO
Pai nosso que estais no Céu, santificado seja o Vosso Nome, venha a nós o
Vosso reino, seja feita a Vossa vontade, assim na terra como no Céu. O pão
nosso de cada dia nos dai hoje; perdoai-nos as nossas ofensas, assim como
nós perdoamos a quem nos tem ofendido, e não nos deixeis cair em tentação,
mas livrai-nos do mal. Amém.

JESUS

--
Você está recebendo esta mensagem porque se inscreveu no grupo "Dividindo a Vida" dos Grupos do Google.
Para postar neste grupo, envie um e-mail para dividindoavida@googlegroups.com.
Para cancelar a inscrição nesse grupo, envie um e-mail para dividindoavida+unsubscribe@googlegroups.com.
Para obter mais opções, visite esse grupo em http://groups.google.com/group/dividindoavida?hl=pt-BR.

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS